Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Dia Mundial do Refugiado é marcado com mais um recorde de deslocados

No dia 20 de junho, quando é celebrado o Dia Mundial do Refugiado, o departamento da ONU para refugiados, ACNUR, lembra ao mundo que a crise de refugiados intensificada nos últimos anos alcançou mais um triste recorde. Ao final de 2015, já se contabilizou um total de 65,3 milhões de pessoas que migraram por alguma situação, seja conflitos, perseguição, violação de direitos humanos ou violência de forma geral. Deste total de refugiados, 51% dos tinham menos de 18 anos.

Além dos refugiados, entre os deslocados há pessoas que ainda solicitam o refúgio a outras nações e aquelas deslocadas dentro do território de seu próprio país. A maior parte se locomoveu dentro de seu próprio território: Colômbia (6,9 milhões), Síria (6,6 milhões, e Iraque (4,4 milhões).

Comparado ao número da demanda, os esforços para reassentar as pessoas que deixam seus países ainda são pequenos. De acordo com o relatório Projeções do ACNUR para a Necessidade de Reassentamento Global 2017, mais de 1 milhão de refugiados foram encaminhados pelo para mais de 30 países de reassentamento na última década, o número de pessoas que necessita ser reassentada ultrapassa, e muito, as oportunidades existentes.

Os refugiados no Brasil
Segundo informações do Acnur, o número total de solicitações de refúgio no Brasil aumentou mais de 2.868% entre 2010 e 2015 (de 966 solicitações em 2010 para 28.670 em 2015). A maioria dos solicitantes de refúgio vem da África, Ásia (inclusive Oriente Médio) e o Caribe.

De acordo com o Comitê Nacional para os Refugiados (Conare), o Brasil possui atualmente (abril de 2016) 8.863 refugiados reconhecidos, de 79 nacionalidades distintas (28,2% deles são mulheres) – incluindo refugiados reassentados. Os principais grupos são compostos por nacionais da Síria (2.298), Angola (1.420), Colômbia (1.100), República Democrática do Congo (968) e Palestina (376).

Com o aumento do fluxo de sírios para Brasil, o governo decidiu tomar medidas que facilitassem a entrada desses imigrantes no território e sua inserção na sociedade brasileira. Em setembro de 2013, o CONARE publicou a Resolução nº. 17 que autorizou as missões diplomáticas brasileiras a emitir visto especial a pessoas afetadas pelo conflito na Síria, diante do quadro de graves violações de direitos humanos. Em 21 de setembro de 2015, a Resolução teve sua duração prorrogada por mais dois anos.
Dia Mundial do Refugiado

Desde 2001, o Dia Mundial do Refugiado é celebrado do dia 20 de junho, de acordo com resolução aprovada pela Assembleia Geral das Nações Unidas. Para o ACNUR, a data é uma oportunidade para celebrar a coragem, a resistência e a força de todos os homens, mulheres e crianças forçados a deixar suas casas por causa de guerras, conflitos e perseguições. Estas pessoas deixam tudo para trás – exceto a esperança e o sonho de um futuro mais seguro.

>>Entenda a diferença entre refugiado e migrante

Leia também
Refugiados muçulmanos e respostas cristãs
O Mineiro com Cara de Matuto com os refugiados sírios
Nunca houve tantos refugiados
Refugiados

Foto: Migrantes desembarcam de um navio da marinha italiana em um porto da Sicília, em junho [Antonio Parrinello/Reuters]
Equipe Editorial Web
  • Textos publicados: 1134 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.