Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Justiça absolve acusados pela morte de indigenista

(Carta Maior) Vicente Cañas, membro do Conselho Indigenista Missionário no Mato Grosso, foi morto em 1987 por defender a demarcação de terras indígenas. Os supostos algozes do missionário foram inocentados.

O julgamento dos seis acusados pela morte do missionário do Conselho Indigenista Missionário (Cimi) Vicente Cañas Costa chegou ao fim depois de 19 anos de espera. O último réu, José Vicente da Silva, foi inocentado pelo júri. O Ministério Público Federal vai recorrer da decisão.

Os outros cinco acusados pela morte de Cañas já haviam sido absolvidos. É o caso de Ronaldo Antônio Osmar, absolvido em júri popular realizado entre 24 e 27 de outubro por seis votos a um. Osmar é ex-delegado de Juína (MT), município que abriga as terras indígenas dos Enawene-Nawê, população que conviveu com o missionário por dez anos.

O coordenador do Cimi de Mato Grosso, Egon Heck, se lembra do apelido que o missionário recebeu dos Enawene-Nawê: Vicente Kiwxi. “Ele possuía um compromisso integral com a causa indígena”, lembra. Heck afirma que Cañas (ou Kiwxi) foi o primeiro branco a procurar a “imersão” na vida, linguagem e cultura dos Enawene-Nawê. “Esse testemunho foi interrompido, mas trouxe a luta dos povos indígenas novamente à cena”, reflete. Leia mais em Carta Maior

· Julgamento do caso Cañas também inocenta acusado

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.