Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Evento acadêmico discute os impactos sociais da Reforma Protestante

A URCA (Universidade Regional do Cariri) sediou, entre 18 e 21 de outubro, o Primeiro Ciclo de Palestras sobre a Reforma Protestante e sua contribuição para o Mundo Ocidental. Idealizado por Jaquelini de Souza, professora da instituição, o evento teve como objetivo expor o legado da Reforma Protestante nos diversos campos do conhecimento.

Com grande adesão dos alunos, as palestras giraram em torno da história da Reforma e suas contribuições nos campos do Direito, Cultura, Economia e Política. Segundo Jaquelini, mestre em Ciências da Religião e doutoranda em História Social, os alunos da URCA ficaram encantados por conhecerem um movimento que não estudam na academia, mas que gerou tantos impactos.

A iniciativa de trazer o tema ao debate veio pela proximidade do marco de 500 anos da Reforma Protestante. Para a professora, a importância de eventos como esse é sem tamanho, “já que no Brasil as universidades públicas não têm tradição de discutir sobre o protestantismo”.

Entre os palestrantes estiveram teólogos, pastores, juristas e historiadores. Jaqueline pretende promover um evento ainda maior para 2017, com nomes renomados no protestantismo brasileiro, tendo a participação de Carlos Caldas confirmada, e convites a Lyndon de Araújo, Ricardo Bitun e Martin Dreher, entre outros.

Para os que desejam propor encontros e discussões como essas nas instituições de ensino na qual estão inseridos, Jaquelini dá as seguintes dicas: “Seja um acadêmico sério e compromissado. Tenha uma excelente relação com os alunos, colegas de trabalho e servidores, e conte com a ajuda deles. Não seja fundamentalista, mas não abra mão de sua fé. Academia não é Igreja, mas creio que Cristo pode tocar corações pela razão, e isto faz parte da redenção cultural na qual a Igreja deve se envolver.”

A Federação Luterana Mundial e o Vaticano também promovem comemorações em torno da data, que terão abertura oficial na Suécia e encerramento em 31 de outubro de 2017, em Wintenberg, na Alemanha, local no qual Lutero afixou suas 95 teses.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.