Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Por Escrito

A realização em compartilhar o amor de Deus

Por Juliani Lenz Fonseca
 
Nasci em uma cidade pequena, do interior do Rio Grande do Sul, em uma família de origem católica. Desde pequena meus pais me levavam à igreja e me envolviam nas atividades da comunidade: missas, festas e atividades com adolescentes. Quando tinha 9 anos de idade, recebi meu primeiro chamado missionário. Meu desejo era estudar em um colégio de internato, pois queria ser uma freira, para fazer missões. Mas meus pais, especialmente minha mãe, não permitiram. Fui crescendo, sempre envolvida nas atividades da comunidade. No ano de 1993, prestei vestibular e fui morar em outra cidade, bem maior que a minha. Foi um momento difícil, senti a falta dos meus pais, dos amigos, da comunhão que tinha na comunidade.
 
Nessa cidade grande eu não podia sair sozinha para ir às missas. Então, comecei a observar um grupo de jovens que se reunia todos os sábados em frente à casa em que eu morava. Também observava, aos domingos pela manhã, famílias reunidas nessa mesma igreja. Senti o desejo de fazer parte desse grupo. E, então, em um domingo pela manhã fui a essa igreja, a Primeira Igreja Batista em Santo Angelo. Fui muito bem recebida pelos irmãos, sentindo o desejo de voltar. Assim comecei a me envolver com essa comunidade, especialmente com o grupo de jovens. Eu estava gostando, achando que estava tudo certo. Mas, em uma noite, ouvi essa frase em uma apresentação teatral: “Apresente-me suas mãos: O que você tem nelas? ”. Deus, através do seu Santo Espírito, falou muito ao meu coração nesse dia. A partir daí eu quis mudar! Reconheci que era pecadora e que precisava do perdão de Deus, através do seu Filho Jesus Cristo. Levei um tempo para ser batizada, pois meus pais não aceitavam uma mudança de religião. Só me batizei em 1997, após a autorização e aceitação deles, pois era muito importante para mim essa confirmação.
 
Logo me envolvi na igreja, em suas atividades, trabalhando com crianças, juniores e na liderança dos jovens. Minha maior alegria era o evangelismo. Nos primeiros anos, fui confirmando meu chamado, já em 2001, em um treinamento de líderes, ministrado pelo Pr. Humberto Aragão, líder da Organização Mobilização (OM), no Acampamento Batista Pioneiro (ABP), em Ijuí, RS. Mais uma vez fui desafiada, me sentindo movida a fazer missões. Entrei em contato com a organização examinando algumas possibilidades, mas não foi possível naquele momento, pois minha igreja não tinha condições de me ajudar, e nem minha família. Então, foram se passando anos e eu continuei envolvida na igreja em vários departamentos, tentando suprir essa necessidade de servir.
 
Em 2009, mais precisamente em julho, Deus mais uma vez confirmou o chamado. Então, passei a procurar escolas de missões para me preparar, e Deus me encaminhou ao Centro Evangélico de Missões (CEM), em Viçosa, MG. Deixei minha terra no sul do Brasil e vim para Minas Gerais. Estudei os dois anos do curso de Missão Integral, e logo após iniciei uma pós-graduação em missiologia, na mesma escola. Durante os estudos, servi na escola, na área de cuidado pastoral dos alunos, e desde então o meu ministério tem sido confirmado por Deus, na área do cuidado e do discipulado.
 
Sinto-me realizada em conversar e compartilhar o amor de Deus através de seu Filho Jesus Cristo. Em Viçosa, durante o período de estudos, conheci meu esposo, que é hoje pastor batista. Como missionários, estamos servindo em uma igreja em Viçosa. Nossos ministérios se completam. Trabalhamos juntos no cuidado pastoral e discipulado, e ele com o ensino, evangelismo e pregação.
 
• Juliani Maria Lenz Fonseca é professora de matemática e missionária. Casada com o pastor Luciano Henrique Fonseca e Silva Lenz e mãe de Ana Julia Lenz Fonseca (in memorian).

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Por Escrito

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.