Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

más notícias X boas novas: anunciando todo o conselho de Deus!

Eu tenho o costume, quando vou informar algo ruim para alguém, tentar minimizar o impacto emocional daquela notícia desconcertante ou entristecedora.

Momentos assim, eu vou preparando o terreno para o ápice daquela informação que precisa ser dada, sejam doenças, tragédias e/ou... morte!

Passar pela vida sem receber notícias ruins é inequivocamente algo impossível.

Há, entretanto, pessoas que preferem começar dando notícia ruim sem qualquer cerimônia (e eu discordo!).

Há uma notícia ruim, entretanto, que a humanidade precisa saber, sem rodeios, e que apenas os cristãos podem e devem anunciar. E A Manchete é esta: "... todos pecaram e separados estão da glória de Deus" (Romanos 3:23)

As pessoas que habitarão com Deus na eternidade (que em alguma etapa das suas vidas precisarão se arrepender dos seus pecados e crer no Evangelho), são alvo do Seu amor salvífico, mas no tempo anterior à conversão de cada uma delas, todas estavam debaixo da desobediência, em inimizade com O Senhor e a Sua Santa Lei.

Assim, antes de falar sobre o amor de Deus, os homens precisam ouvir que são pecadores e devem se arrepender urgentemente!

Todo cristão genuíno certamente tem consciência plena (ou pelo menos deveria ter) de que as Boas Novas do Evangelho, assim como acontece com medicações que trazem cura, necessitam ser precedidas das más notícias, semelhante com aqueles a quem é revelado que estão doentes.

A prescrição de uma receita para um doente é uma expressão clara de amor daquele que estudou para curar quem se encontra com alguma patologia. Antes, todavia, aquele paciente precisa ouvir do mal que lhe acomete, para então saber que precisa seguir a terapêutica correta em busca da cura definitiva.

A mensagem do Evangelho que inicialmente enfatiza o amor de Deus, sem revelar primeiro a condição da pecaminosidade humana, invariavelmente levará o pecador a se achar "merecedor" do amor Divino, pelo fato de não possuir consciência acerca da gravidade das suas transgressões, sejam muitas ou poucas, grandes ou pequenas.

Pelo simples motivo de que a percepção acerca de si mesmo está embotada pelo pecado, o homem ainda não convertido tem a sua estima própria exponencialmente inflada.

Assim, sem a pregação prévia de que é incapaz de guardar a Lei (e que por isto é merecedor do castigo eterno), o homem que apenas ouve "Jesus te ama", terá o seu ego massageado (e os "pregadores coach" e os "pregadores de rosas" fazem isto muito bem), mantendo-o confortável em sua vida pecaminosa, cobiçosa e ególatra.

Terminarei este texto com a inerrante Palavra, inclusive com uma extraordinária promessa:

Jeremias 23:29 Porventura a minha palavra não é como o fogo, diz o SENHOR, e como um martelo que esmiúça a pedra? ... Isaías 55:11 "Assim será a minha palavra, que sair da minha boca; ela não voltará para mim vazia, antes fará o que me apraz, e prosperará naquilo para que a enviei" ... João 3:16 "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" ... Romanos 10:9 "A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. 10 Visto que com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação. 11 Porque a Escritura diz: Todo aquele que nele crer não será confundido. 13 Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo".
Recife - PE
Textos publicados: 319 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.