Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Dívida paga não pode ser cobrada novamente

Quase todos nós contraímos dívidas no dia a dia (principalmente quando usamos o nosso cartão de crédito), mas alguém moralmente honesto, cumpre em honrar esses compromissos.

No plano espiritual, por mais esforçados que possam ser os homens, invariavelmente falham, pecam, pois já nascem incubados com o vírus do pecado. E mesmo "assintomáticos", por um pequeno período de tempo, logo testam "positivo", com reações às vezes leves em alguns; e em outras pessoas, o estrago é maior.

Disse sem rodeios o Salmista Davi: "Salmos 51:5 Eis que em iniquidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe".

Ainda pequeninas, há algumas crianças que já revelam sintomatologia ao pecado: "Provérbios 20:11 Até a criança se dará a conhecer pelas suas ações, se a sua obra é pura e reta".

Fato inequívoco é, segundo a Bíblia, que "... todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus" (Romanos 3:23)

Ditas estas palavras, fica evidente que dependemos de alguém que nos livre das consequências nefastas e eternas do pecado, cuja punição dar-se-á com a condenação ao inferno aos impenitentes, aos que não se arrependerem de seus pecados ainda em vida. E o perdão é dado por JESUS CRISTO, que veio morrer na cruz em favor dos cristãos, e só por estes, tanto do Antigo (aqueles que esperavam a vinda de Jesus), quanto do Novo Testamento.

Que segurança pode ter um cristão de que foi perdoado e salvo da ira vindoura?

Deixarei o próprio SENHOR DEUS responder: "Eu, eu mesmo, sou o que apago as tuas transgressões por amor de mim, e dos teus pecados não me lembro" (Isaías 43:25)

O ato de Deus não se lembrar dos pecados dos cristãos verdadeiros não é por Ele ser alguém que faz vista grossa ao pecado, ou que esqueça das ofensas dos nossos atos.

A questão é que A Justiça Divina foi satisfeita pela obra perfeita e realizada por JESUS na cruz: "Isaías 53:5 Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. 6 Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho; mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos"

A razão de Deus não lembrar dos pecados dos cristãos genuínos é simplesmente (e demos graças !) por que o Senhor não cobra uma dívida duas vezes: "Romanos 5:8 Mas Deus prova o seu amor para conosco, em que Cristo morreu por nós, sendo nós ainda pecadores. 9 Logo muito mais agora, tendo sido justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira. 10 Porque se nós, sendo inimigos, fomos reconciliados com Deus pela morte de seu Filho, muito mais, tendo sido já reconciliados, seremos salvos pela sua vida. 11 E não somente isto, mas também nos gloriamos em Deus por nosso Senhor Jesus Cristo, pelo qual agora alcançamos a reconciliação"

Portanto, se alguém ou o próprio diabo venham lançar em rosto os nossos pecados, devemos declarar: "Romanos 8:33 Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica. 34 Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e o que também intercede por nós. 35 Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada? 36 Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte todo o dia; somos reputados como ovelhas para o matadouro. 37 Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou. 38 Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, 39 Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor"
Recife - PE
Textos publicados: 325 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.