Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

A Igreja e a inclusão

Conversando com minha noiva sobre qual igreja frequentar após o casamento, ela me falou que tem três critérios para considerar ao analisar alguma igreja após o critério principal de ser uma igreja que seja fiel às escrituras: ser receptiva e pessoal, ter espaço para trabalhar e ser inclusiva pois sua irmã é uma pessoa com cuidados especiais.

Após esta conversa fui refletir se alguma igreja que eu conheça preenche os três requisitos e constatei que nenhuma das que eu lembrei preenche o terceiro critério colocado por ela. Durante o dia fui pensando no assunto e percebi que a maioria das igrejas não estão preparadas para a inclusão de pessoas com necessidades especiais.

Alguns podem dizer que tem algum preparo como libras durante o culto (o que já auxilia um pouco) ou que na classe de crianças há algum treinamento para recepcionar alunos com alguma síndrome. Mas a reflexão que deve ser feita é onde fica a inclusão de adultos? Ou Quando essas crianças especiais crescem como participarão do culto no templo? Temos que lembrar que o hall de síndromes é grande demais no CID-10 e algumas tem vários graus de comprometimento.

Quero levar você, leitor, a refletir algumas coisas. Em primeiro lugar temos que lembrar que as pessoas especiais também são criaturas de Deus. Em Gênesis 1 quando vemos a criação, ao final de cada dia Deus falava que "...tudo era bom"(Gn 1:27-31). Por mais que uma pessoa seja especial, ela também é uma criação de Deus pai e deve ser incluída no meio de seu povo.

Em segundo lugar, temos que lembrar que assim como nós, as pessoas especiais também são à imagem e semelhança de Deus. Em Gênesis 1:26, Moisés começa a narrar a criação do homem escrevendo que "Deus disse: façamos o homem segundo a nossa imagem, conforme a nossa semelhança". A pessoa com necessidade especial também é um ser criado à imagem e semelhança de Deus, portanto elas também fazem parte do corpo. Paulo em 1 Co 12:12-14 diz que "Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos membros, e todos os membros, sendo muitos, são um só corpo, assim é Cristo também."(v.12) e ainda diz que "Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito."(v. 13) e pra finalizar ele ainda diz que "Porque também o corpo não é um só membro, mas muitos." (v. 14).

Em terceiro lugar, devemos lembrar que as bençãos e o juízo de Deus também estão sobre eles. Jesus nos evangelhos disse em Mateus 25:40 que quando fizermos algo a qualquer irmão estamos faazendo para ele e em Mateus 25:45 ele nos alerta que se não fizermos isso a algum irmão então não teremos feito a ele.

Em quarto lugar, devemos nos lembrar que no evangelismo também devemos nos preocupar com a inclusão. No mandamento descrito em Mateus 28:19 e Marcos 16:15 que o ide deve alcançar "toda criatura" (Mc 16:15) e que elas devem ser batizadas "em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo".

Que esse post possa nos levar a refletir se realmente somos inclusivos em nossas igrejas e em nossa vida e nos levar a pensar como incluir as pessoas especiais em nosso corpo de Cristo.

Sola Scriptura!
Brasília - DF
Textos publicados: 2 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.