Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Esperando e observando o Ramadã – Como Orar Por Muçulmanos

Um guia para orar por mulçumanos no período do Ramadã, de 22 de março a 21 de abril de 2023

Por Ultimatoonline


Do extremo norte de Mianmar ao extremo sul da Indonésia, o Sudeste Asiático abriga cerca de 275 milhões de muçulmanos. Como os muçulmanos em todo o mundo, eles estarão observando e esperando para começar o mês sagrado do Ramadã no dia 22 de março. Observando, porque avistar a lua nova sinaliza o início do jejum; e esperando, devido à grande ansiedade de iniciar um mês tão especial.

Para os muçulmanos, o jejum envolve não comer, beber ou fumar durante o dia, e é um dos cinco pilares do Islamismo. Os outros quatro pilares são a declaração de fé, a oração, as doações como caridade e a peregrinação a Meca – para aqueles que têm condições financeiras e físicas. Os muçulmanos acreditam que foi durante este mês, o nono mês do calendário islâmico, que o profeta Maomé recebeu os primeiros versos de seu livro sagrado, o Alcorão.

As razões pelas quais os muçulmanos jejuam podem variar: alguns querem viver como os que são materialmente pobres, muitos esperam que seja uma oportunidade para fortalecer sua fé, mas a maioria espera receber uma recompensa de Deus – um bem-vindo contrapeso às consequências de pecados cometidos durante o ano.

Enquanto os muçulmanos de todo o mundo estarão jejuando este mês, o Ramadã é um pouco diferente no sudeste da Ásia, pois se mistura com idiomas e culturas locais.

No guia Esperando e observando o Ramadã – Como Orar Por Muçulmanos, um pequeno caderno de oração preparado por amigos que vivem e trabalham entre os povos muçulmanos do Sudeste Asiático, é possível juntar-se a pessoas da Malásia, Indonésia, Brunei, Camboja e Tailândia enquanto esperam e observam a época mais especial do ano. A cada semana, o intercessor será convidado a se concentrar em um povo específico ou grupo étnico, as orações são relevantes para os muçulmanos em todo o Sudeste Asiático.

Para baixar gratuitamente o guia de oração, clique aqui.



Quer use este guia para orar uma vez por semana ou todos os dias, por conta própria ou em grupo, você é convidado a entrar neste mês como alguém que espera junto com os muçulmanos do Sudeste Asiático, observando como o Senhor trabalhará entre esses povos preciosos enquanto você ora.

Com base no guia de oração Esperando e observando o Ramadã – Como Orar Por Muçulmanos.

Saiba mais:
» Uma Nova Introdução ao Islã - Origens, tendências e práticas muçulmanas no mundo contemporâneo, Daniel Brown
» Live – O que os cristãos precisam saber sobre os muçulmanos?
» Quem tem medo dos muçulmanos?
» Jovens, precisamos conhecer o mundo muçulmano 


O QUE ESPERAM OS CRISTÃOS? | REVISTA ULTIMATO
 
A esperança cristã possibilita alegria hoje, guia os nossos afetos e o modo como vivemos, nos relembra da nossa condição de peregrinos, nos anima na evangelização e na missão, nos dá a perspectiva correta com relação ao sofrimento atual, alinha os nossos planos aos de Deus, não permite que nos acomodemos às facilidades do mundo.

É disso que trata a edição 400 da Revista Ultimato. Para assinar, clique aqui.
Equipe Editorial Web
  • Textos publicados: 1269 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.