Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Opinião

A equação de uma vida boa em 2024

Por Paulo Ribeiro
 
A tríade verdade, bondade e beleza há muito é considerada um caminho para a sabedoria, refletindo uma abordagem holística e unificada para a compreensão da vida e do mundo. Esses conceitos estão profundamente enraizados na filosofia e foram explorados por pensadores ao longo da história.
 
A verdade envolve um compromisso com a honestidade intelectual e uma vontade de procurar e aceitar a verdade mesmo quando esta desafia as crenças existentes. A verdade não se trata apenas de fatos; trata-se também de obter uma compreensão mais profunda do mundo. Envolve buscar conhecimento objetivo e evitar o autoengano.
 
A bondade está associada a princípios éticos e morais. A busca pela bondade envolve agir de maneira justa, compassiva e benéfica para os outros. Esforçar-se pelo bem envolve considerar o bem-estar dos outros, promover a empatia e cultivar um sentido de responsabilidade para com a comunidade em geral.
 
A beleza se refere a mais do que apenas a aparência física; abrange as qualidades estéticas da vida, da arte, da natureza e das experiências humanas. A beleza tem o poder de inspirar e elevar o espírito humano. Pode levar a uma apreciação mais profunda da vida e a uma conexão com o sublime e o numinoso.
 
A sabedoria emerge da integração da verdade, da bondade e da beleza. Requer um equilíbrio harmonioso, onde estão presentes considerações éticas (bondade), uma profunda apreciação pelo mundo (beleza) e um compromisso com a compreensão da realidade (verdade).
 
A sabedoria envolve ver o panorama geral, compreender a interligação de vários aspectos da vida e tomar decisões que considerem as consequências a longo prazo, tanto a nível individual como social. O caminho para a sabedoria é uma jornada de aprendizado e crescimento contínuos.

 
O conhecido escritor britânico CS Lewis explorou os temas da verdade, da bondade e da beleza em suas obras, oferecendo insights que se alinham com o caminho para a sabedoria. Em obras como “As Crônicas de Nárnia”, ele utiliza o poder da imaginação para evocar uma sensação de admiração e beleza. Ele acreditava que a imaginação, quando guiada por valores morais e espirituais, pode levar a uma compreensão mais profunda da beleza e da bondade, enfatizando virtudes como o amor, o perdão e a humildade, e a busca da verdade através da razão e do intelecto.
 
A integração destes princípios básicos é a chave para um envolvimento intelectual robusto com o mundo e para uma vida boa.
 
O professor Kreeft diz: “verdade, bondade e beleza são as três coisas de que todos precisamos, e precisamos absolutamente, e sabemos que precisamos”; a verdade se relaciona com a mente, a bondade com a vontade e a beleza com o coração, sentimentos, desejos ou imaginação.
 
“Não queremos apenas "ver" a beleza – embora, Deus sabe, mesmo isso é suficientemente abundante. Queremos algo mais que dificilmente pode ser expresso em palavras – estar unido à beleza que vemos, passar para ela, recebê-la em nós mesmos, banhar-nos nela, tornar-nos parte dela.””
 
Ao iniciarmos um novo ano é fundamental refletirmos sobre estes valores para enfrentarmos com sabedoria os desafios materiais, políticos e sociais de 2024.

REVISTA ULTIMATO | DOENÇAS QUE FAZEM SOFRER TAMBÉM OS QUE CREEM
 
Todas as pessoas – também os que creem – correm o risco de adoecer mentalmente. Há multidões na igreja lutando com problemas de saúde mental. Felizmente, há esperança e ajuda: profissionais da saúde, recursos terapêuticos e medicamentos. Os cristãos podem contar ainda com a ajuda extraordinária de seu Deus. E a igreja deve proporcionar um espaço seguro para estes.

É disso que trata a matéria de capa da edição 405 da revista Ultimato. Para assinar, clique aqui.

Saiba mais:
Doutor em Engenharia Elétrica pela Universidade de Manchester, na Inglaterra, foi Professor em Universidades nos Estados Unidos, Nova Zelândia e Holanda, e Pesquisador em Centros de Pesquisa (EPRI, NASA). Atualmente é Professor Titular Livre na Universidade Federal de Itajubá, MG. É originário do Vale do Pajeú e torcedor do Santa Cruz.
>> http://lattes.cnpq.br/2049448948386214
>> https://scholar.google.com/citations?user=38c88BoAAAAJ&hl=en&oi=ao

Pesquisa publicada recentemente aponta os cientistas destacados entre o “top” 2% dos pesquisadores de maior influência no mundo, nas diversas áreas do conhecimento. Destes, 600 cientistas são de Instituições Brasileiras. O Professor Paulo F. Ribeiro foi incluído nesta lista relacionado a área de Engenharia Elétrica.
  • Textos publicados: 66 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Opinião

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.