Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Sintomas do orgulho

O orgulho se revela na obstinação em nos proteger a qualquer custo. Queremos proteger nossa imagem porque queremos ser grandes diante dos outros. Daí vem as reações agressivas quando nos sentimos atacados. O sentimento de humilhação é insuportável porque fere a imagem de superioridade que cultivamos.

Ficamos ofendidos com muita facilidade porque somos orgulhosos! Qualquer coisa que digam contra nossa opinião ou atitudes são interpretadas como graves ataques pessoais. Então, como feras acuadas, saímos em defesa de nossa imagem… A forma como fazemos isso pode variar, mas a motivação é sempre a mesma: orgulho!

Alguns explodem em ira. Outros se afastam em busca de isolamento. É possível ficar remoendo a situação de humilhação, imaginando possíveis reações de defesa. Listas dos defeitos de quem nos "atacou" são feitas e refeitas mentalmente. Queremos ouvir alguém que concorde conosco e nos ajude a reafirmar o quanto estamos certos e o outro está errado. O ódio é cultivado junto com o sentimento de vitimização. Depois pode vir a depressão, pânico, reações diversas das emoções e do corpo…

Entretanto, quando aprendemos com Cristo que não somos o centro do mundo, que a vida não é sobre nós, mas sobre Deus, nossa própria imagem perde importância. Quando percebemos que a honra de Cristo é mais importante que a nossa, deixamos de nos ofender por qualquer coisa, deixamos de desperdiçar tempo e energia para nos proteger.

Aliás, em Cristo, enxergamos nossa miséria e tomamos consciência de que nenhum ataque poderia revelar o quão profundamente feia é nossa imagem. É assim que a verdade nos liberta de nós mesmos e dessa cansativa tarefa que o orgulho nos dá - proteger a honra de um ser tão indigno quanto eu.

Enquanto olhamos pelas lentes do orgulho jamais poderemos perdoar, pois não nos vemos tão miseráveis, feios e maus como aqueles que nos ofendem. É a verdade que nos liberta para perdoar e amar outros seres iguais a nós...
Taguatinga - DF
Textos publicados: 43 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.