Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Não é para ler, apenas!

Estava eu com o meu artigo semanal pronto, um tema que tenho abordado algumas vezes, quando acordo com o título acima "incomodando" o meu coração; rolo para um lado, viro-me para o outro e textos da Palavra de Deus se sucedem em minha mente – tive que levantar mais cedo do que o meu costume!

O contexto que me é mostrado, neste momento, é que Deus não inspirou homens santos, separados para o Ministério da Palavra, para transmitirem os Seus pensamentos, desejos e decisões sem um propósito importante não só para Ele, mas, principalmente, para nós, a humanidade que Ele criou, ama e quer salvá-la.

"Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" (João 3. 16).

Temos aqui um sentimento, amou-nos; mas há um ato provando esse amor, deu-nos seu bem maior, o próprio e único Filho; há um propósito bem claro nesse desejo do Pai, que não pereçamos, mas tenhamos a vida eterna – chama-se isso, "graça".

"Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhe o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome" (João 1. 12).

Dando continuidade à reflexão, para que o Seu propósito se torne realidade em nossas vidas, nós, [todos] os que Ele deseja salvar, precisamos "receber" o Seu Filho, o Senhor Jesus, no coração; então, a salvação se dará ao nos tornarmos "família de Deus", SERMOS FEITOS filhos de Deus.

Ora, se "somos feitos" filhos a partir da nossa aceitação [pessoal, livre, espontânea] é porque não éramos filhos, mas apenas criaturas.

"E, [Jesus] tendo sido aperfeiçoado, tornou-se o Autor da salvação eterna para todos os que lhe obedecem" (Hebreus 5. 9).

Este texto aponta para uma questão muito importante, a obediência que temos que ter aos ensinamentos do Senhor Jesus; crer tão somente é fácil; até os demônios creem e tremem, diz-nos outro texto:

"Crês, tu, que Deus é um só? Fazes bem. Até os demônios creem e tremem" (Tiago 2. 19).

A Palavra de Deus não é para ler, apenas! É para ser guardada em nossos corações para, em a obedecendo, não pecarmos contra Ele: "Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti" (Salmo 119. 11).

Costumo ler esse texto lembrando do que chamamos de "a grande comissão" que o Senhor Jesus ordenou, antes de ascender ao Céu:

• "Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo" (Mateus 28. 19).

• "Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura" (Marcos 16. 15).

• "(...) e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém como em toda a Judeia e Samaria e até aos confins da terra" (Atos 1. 8b).

Então, não é para ler, apenas! Não é, somente, para nos resguardar do pecado; é para ensinar/fazer discípulos, é para pregar a toda criatura, é para testemunhar até aos confins do mundo.

Esse é o desejo, esse é o propósito de Deus ao escolher homens santos aos quais inspirou, soprou nos ouvidos a Sua Palavra, a vontade de que todos alcancem o arrependimento, condição "sine qua non" para a salvação de nossas almas:

"Não retarda o Senhor a sua promessa [da segunda vinda], como alguns a julgam demorada; pelo contrário, ele é longânimo para convosco, não querendo que nenhum pereça, senão que todos cheguem ao arrependimento" (I Pedro 3. 9).

E esclarece o Senhor Jesus: "Quem crer e for batizado será salvo; quem, porém, não crer será condenado" (Marcos 16. 6).

Então, não é para ler, apenas! É hora de buscar a Deus, é hora de receber o Senhor Jesus, é hora de compartilhar essa grande bênção, da salvação pela graça, mediante a fé no Senhor Jesus; isso, enquanto temos tempo!

"Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração" (Jeremias 29. 13).

"Buscai o Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto" (Isaias 55. 6).

Não é para ler, apenas! Não é para memorizar, apenas! Não é para guardar, apenas! Não é para discernir, apenas! Não é para nos salvar, apenas! Não é para buscar a presença de Deus, apenas!

Tudo isso é necessário, mas não apenas para uma edificação pessoal; é necessário compartilhar para que outros possam ser alcançados com essa graça que nos foi concedida pela fé no Senhor Jesus, pois, reitero, é vontade de Deus que todos sejam alcançados, enquanto Ele está perto e disponível.

Há um hino que diz: "Meu amigo, hoje tens a escolha: vida ou morte, qual vais aceitar? Amanhã pode ser muito tarde, hoje Cristo te quer libertar."

Leia hoje, entenda hoje, guarde hoje, aceite hoje, obedeça hoje, compartilhe hoje, mas não retenha apenas para a sua salvação pessoal; há muitos a serem alcançados, hoje – amanhã pode ser tarde demais.

Pense nisto!
São Paulo - SP
Textos publicados: 717 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.