Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Comendo queijo

Eu estou literalmente comendo queijo. Todo mundo gosta de queijo, mas o mineiro é que leva a fama. Eu já escrevi sobre mineiro e queijo. Parece que o mineiro não vive sem queijo e o queijo não existe sem o mineiro. Essa dupla é famosa no mundo todo. Em Minas o queijo é algo muito comum e está cada vez mais caro e mais valioso. Mas, apesar do preço, as pessoas, em geral, continuam comendo queijo. Gosto de comprar queijo na feira porque lá é mais barato e tem mais variedades. Sempre quando vou a alguma cidade, principalmente de Minas, eu procuro o Mercado Municipal e lá, em geral, eu encontro muito queijo, mas, como sempre, é caro. Mas a gente compra, mesmo sendo caro, porque não pode perder a oportunidade de comprar um queijo genuinamente mineiro. Afinal, se a gente não gastar com o queijo vai gastar de outra forma. Como já diziam os antigos: "A gente gasta com comida pra não gastar com remédio".

Uma pessoa comendo queijo pode ser tema para uma boa redação. Se essa pessoa for um mineiro podemos escrever até um poema. Um dia uma pessoa me falou que não gostava de queijo, eu não acreditei e perguntei se isto era verdade, se realmente ela não gostava. Ela deu uma risadinha e disse: "Você não entendeu direito, eu disse que "não gosto pouco de queijo, eu gosto muito". Eu entendi o jogo de palavras, embora eu tenha ouvido perfeitamente o que ela disse e que depois consertou. Melhor do que falar, ou escrever, sobre queijo é experimentar e comer. Na feira tem muito, nos mercados também, mas o queijo na feira é mais barato e tem mais variedades. Como eu sempre gosto de citar a Bíblia, lá encontramos textos e versículos que falam de queijo. Ou seja, este alimento é bíblico, é antigo e não foi um mineiro quem inventou ou descobriu, como tem muita gente que pensa. Várias vezes encontramos e menção do queijo na Bíblia. Segundo o Google, a primeira menção está em I Samuel 17.18: "Porém estes dez queijos, leva-os ao comandante de mil; e visitarás teus irmãos, a ver se vão bem; e trarás uma prova de como passam." Era Jessé dando ordens a seu filho Davi quando este foi ver como estavam os seus irmãos no campo de guerra. Certamente Davi obedeceu ao seu pai e levou aquela iguaria para o Comandante e para os seus irmãos. Vemos, portanto, que o queijo é um alimento especial, muito antigo e era muito apreciado.

Na Bíblia nós temos exemplos de tudo. Na verdade, tudo que vemos e com o que convivemos hoje, de certa forma existe na Bíblia. A cultura bíblica é algo muito importante, pois além do conhecimento cultural, nós temos exemplos, lições e respostas para todas as nossa indagações. A pessoa que não lê, não medita e não acredita na Bíblia perde a oportunidade de obter conhecimentos e cultura e aprender lições e conhecer histórias de povos antigos e exemplos de fé e de fidelidade a Deus, com muito conhecimento geral. Não sabemos como era o queijo daquele tempo, mas sabemos era queijo de leite de camela, mas creio que também tinha de leite de vaca. O certo é que o queijo era uma preciosidade. Já terminei de comer o meu pedaço de queijo que eu usei também para ilustrar este tema que é essencialmente bíblico. Afinal é um alimento antigo que naquele tempo era um especiaria, que só era consumido em ocasiões especiais. Por isto o queijo hoje é caro e em Minas existe o queijo tipo exportação, além daquele que consumimos regularmente. Eu sempre me perguntei: Será que tem alguém que não gosta de queijo? Tem quem gosta, quem gosta muito e não fica sem. Acredito que tenha quem não goste também. Mas, com certeza, isto deve ser muito raro. Quem gosta compra, mesmo sendo caro. Queijo é bom e não é por acaso que queijo rima com beijo.

Com queijo, ou sem queijo, que Deus nos abençoe a todos!
Mogi Guaçu - SP
Textos publicados: 563 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.