Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Aceitar Jesus é a decisão mais importante que se pode fazer

O convite está feito e não precisa ficar repetindo como se fosse o comércio de alguma mercadoria com preço de ocasião. "Quem quer comprar, está na oferta!", não é isto e nunca será. Dizem que aquilo que se oferece muito e se insiste é porque não é bom. Na linguagem popular a pessoa está querendo empurrar alguma mercadoria estregada, ou de 3ª e fica procurando freguês, ou vítima. Aceitar a Jesus deve ser algo espontâneo, a pessoa deve desejar, querer, precisar... É preciso também saber se Jesus aceita a pessoa, pois muitos "aceitam a Jesus" só da boca pra fora e a estes Jesus não aceita porque sabe que são falsos e hipócritas.

O ladrão da cruz foi sincero quando pediu: "Senhor, lembra-te de mim quando entrares no teu reino" e Jesus o aceitou com as seguintes palavras:" Hoje estarás comigo no paraíso". O convite foi feito, a pessoa ouviu e tem a escolha entre aceitar ou não. Aceitar a Jesus é o ato mais importante que um ser humano pode fazer, pois vale não só para esta vida, mas para toda a eternidade. Há uma grandeza e uma beleza muito especial em aceitar a Jesus, abrir o coração para ele, mas é preciso saber fazer o convite para que o mesmo possa tocar o coração e a alma da pessoa indicada como uma flecha cheia de amor e de misericórdia e assim possa produzir os efeitos necessários e atingir de cheio o coração combalido, aflito e sedento da graça de Deus. Não adianta ficar repetindo como se fosse um pregão anunciando alguma mercadoria de ocasião em promoção até porque após aceitar a Jesus há um preço a pagar, há uma exigência que se resume numa só palavra: fidelidade.

Já assisti muitos convites em diferentes igrejas e hoje creio que a maioria das igrejas mudaram a sua "tática" até como forma de atrair as pessoas ao invés de espanta-las com convites, ou apelos muitas vezes vazios que apenas cumprem um clichê. A pessoa pode aceitar a Jesus em qualquer lugar e em diferentes situações, muitas vezes sem plateia e sem apelos curtos ou longos. Pode acontecer como aconteceu com o carcereiro da cidade de Filipos que perguntou a Paulo e a Silas: "Senhores, o que devo fazer para me salvar?" - e a resposta veio imediata: "Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e a tua casa". (Atos 16.31). Este não é um modelo de apelo, mas é um dos mais conhecidos que temos na Bíblia. Às vezes as circunstâncias fazem o apelo, a situação, o problema, um acidente seja ele de que natureza for. O ladrão da cruz, citado acima, reconheceu que era pecador e que estava diante de um rei, que, portanto, tinha um reino e muito poder e não demorou em fazer o pedido: "Lembra-te de mim..." Existem muitos e diferentes apelos, razões diversas, circunstâncias variadas, mas hoje os mais comuns são aqueles feito de um púlpito de forma insistente quando, na verdade, a pessoa necessitada e interessada é que deveria "se apelar" e insistir para ser aceito por Jesus.

Talvez o mais importante não seja "aceitar a Jesus", mas ser aceito por Ele. Afinal, não adianta aceitá-lo se Ele não nos aceitar como somos, com os nossos pecados e imperfeições. Muitas vezes invertemos as coisas e ficamos insistindo do alto da nossa "santa ignorância" para que a pessoa aceite a Jesus, como se Jesus fosse obrigado a aceitar a pessoa. Tem um hino antigo que diz: "Eu venho como estou, sim venho como estou porque Jesus por mim morreu, eu venho como estou". Na verdade, quem dá o passo e se reconhece pecador é o homem e Jesus o aceita se vir e sentir sinceridade em seu coração. Jesus não é obrigado a aceitar a pessoa, mas a pessoa deve aceitar a Jesus com amor e com sinceridade. Afinal, é o homem que precisa de Jesus e não o contrário.

Finalizando, devemos aceitar a Jesus todos os dias a todos os momentos e pedir a Ele que nos aceite como somos e como estamos, pois só Ele pode nos transformar e nos limpar a cada dia.
Mogi Guaçu - SP
Textos publicados: 467 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.