Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

A mentira por trás da verdade

Sobre os efeitos nocivos da ilusão da verdade em nossas vidas, e como isso nos afeta cotidianamente.

Sabe aquelas conversas triviais, que podem parecer inofensivas e que acontecem corriqueiramente e que ao nosso ver não passam de conversas descompromissadas?, pois é, são as mais estimulantes ao mesmo tempo que são também perigosas para a propagação de mentiras. A mentira não requer muito esforço para ser dita, já a verdade, essa sim, demanda um esforço muitas vezes sobre humano. Há um ditado popular que diz: Basta dizer repetidamente uma mentira de forma convincente e ela se tornará uma verdade.

O efeito ilusório da verdade é muito utilizado como estratégia de vendas, onde o individuo é convencido à comprar algo que muitas vezes não precisava. E quando se vê diante da inutilidade do bem que ele adquiriu, se sente frustrado, pois foi tapeado por suas próprias emoções, quando seduzido pela boa e velha lábia do vendedor. Infelizmente para alguns a mentira se torna um meio de alcançar um Fim.

Eu fico muito preocupado com essas questões, pois sei que nem mesmo a Bíblia escapa disso. Em muitas situações já ouvi as pessoas citarem expressões como sendo versículos bíblicos, que na verdade não são. Um exemplo clássico e bastante conhecido é "O cair é do homem, mas o levantar é de Deus". O texto citado não faz parte da Bíblia, ainda que pareça que sim. Mas como foi repetido muitas vezes, provoca essa sensação.

Segundo Santo Agostinho em uma das suas frases mais conhecidas, "Eles são assassinos de si mesmos", fica evidente a sua percepção do efeito causado pela mentira na vida daquele que escolhe esse caminho. Sendo assim a mentira pode se tornar um atentado contra a própria reputação, e para ser bem sincero, é muito difícil confiar em alguém que foi pego na mentira, e que ao invés de se arrepender preferiu criar outra mentira para validar a primeira, do ponto de vista do caráter e da moralidade essa pode ser uma atitude bem questionável.

Em sua importante obra conhecida como De Mendacio ("Sobre a Mentira"), ele faz uma análise moral, comportamental e por muitas vezes espiritual dessa temática nos seu tempos, ficando claro sobre o que pensava quanto à um homem de boa índole escolher a mentira ao invés da verdade, para ele isso seria inconcebível "Permanece, assim que nenhum homem bom deve mentir".

Há algo ainda, que pode demandar também uma certa atenção, o que a psicologia chama de delusão (delírio), é um estado de adoecimento emocional, onde falsas crenças e convicções se mantêm apesar de claras evidências contrárias e da implausibilidade dos fatos, sendo considerada como psicose. A psicose é um distúrbio da percepção da realidade, que pode causar alterações do comportamento do individuo. Devemos encarar esse assunto com atenção e seriedade.

Ao longo da vida conheci muitos lideres de igrejas que me confidenciaram coisas que me deixavam verdadeiramente perplexo, muitos deles vindos de uma situação de vulnerabilidade social, onde precisaram lutar contra todos os tipos de adversidades para vencer suas mazelas e transformar a sua condição social, que por vezes era degradante. Os vi muitas vezes se apropriarem de um falso discurso, inclusive em sua pregações e ensinos, para terem a aprovação das pessoas em suas congregações. Não via felicidade nas expressões dos seus rostos, sei que isso lhes causavam perturbação. A delusão permite à pessoa criar enredos e historias fantasiosas, e infelizmente para alguns acaba se tornando uma forma de afirmação, proteção e fuga de uma realidade social que o machucou severamente.

Somos influenciados pela mentira praticamente o tempo todo, mas precisamos lutar em favor da verdade, para que ela se estabeleça e permaneça, e para isso contamos com o Espírito Santo que habita em nós. "Toda verdade é a verdade de Deus" (R.C. Sproul). Partindo dessa compreensão, é correto afirmar que toda verdade encontra sua origem em Deus.

A mentira é um pecado moral, que corrompe a alma, contamina e destrói os relacionamentos. O Apóstolo Paulo escrevendo aos irmãos de Eféso, dá uma importante instrução "Portanto, cada um de vocês deve abandonar a mentira e falar a verdade ao seu próximo, pois todos somos membros de um mesmo corpo" (Efésios 4:25 NVI). Sua intenção era que a igreja não tivesse um comportamento mundano, mas que seus membros se comprometessem eticamente uns com os outros, pela saúde do corpo (Igreja).

A verdade é um habito saudável, que mantém a saúde da nossa alma. Há muitas afirmações na bíblia que a palavra de Deus é a verdade. Então que possamos viver essa verdade com toda intensidade.
Blumenau - SC
Textos publicados: 1 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.