Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Prateleira

Tragédia americana

Hoje o mundo relembra um dos maiores e mais ousados ataques terroristas da história. No dia 11 de setembro de 2001 dois aviões se chocaram com as torres do World Trade Center em Nova York (eram considerados dois dos maiores prédios do mundo – 110 andares – e um símbolo do poder americano). Um outro avião atingiu o Pentágono e um quarto não chegou até o alvo previsto, pois foi abatido e caiu na Pensilvânia. Calcula-se que na hora da tragédia cerca de 10 mil pessoas estavam no World Trade Center. Quase 3 mil morreram. Os ataques foram planejados pela organização terrorista Al Qaeda, liderada por Osama Bin Laden, morto em maio do ano passado em uma ação polêmica do Exército norte-americano.
 
Quase todas as páginas da revista Ultimato 273 (novembro-dezembro de 2011) foram dedicadas a discutir e repercutir a tragédia. Com uma mistura de textos pastorais – alguns bem duros - e olhares sobre o estilo de vida norte-americano, a edição 273 mostrava bem o sentimento fresco e agitado daquele momento (a revista foi publicada um mês após o atentado). Um exemplo são os vários depoimentos de americanos e outros sobre o fato.
 
A edição da Ultimato levantava perguntas sérias: Por que a guerra é legítima e o terrorismo é ilegítimo? A vingança americana é legal e deve ser apoiada por todos e a vingança terrorista é ilegal e deve ser denunciada por todos? É justo supor que a mão de Deus estava por trás do estranhamente muito bem-sucedido atentado ao centro econômico e ao centro militar dos Estados Unidos? 
 
A Carta ao Leitor terminava expressando um desejo ainda atual (a julgar pelas críticas recentes à ação norte-americana no Afeganistão, ao tratamento de presos políticos e à morte de Osama bin Laden):
 
“É preciso chorar com os que choram — inclusive com as famílias das cinco vítimas brasileiras — e olhar com humildade e sabedoria as muitas lições que podem e devem ser tiradas da tragédia não só americana, mas mundial.”

Leia mais
Equipe Editorial Web
  • Textos publicados: 1008 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Prateleira

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.