Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

O Rei Sanguinário e os Generais Equivocados

A literatura cristã, com seus variados catálogos, ocupa nos corações e mentes o mesmo apreço que cabe a todo leitor por qualquer leitura. Tudo por uma questão de satisfação, pela conveniência ou por necessidade. Nenhuma leitura é distração ou entretenimento; é alimento. Somos o que comemos. De acordo com as Escrituras nosso homem interior se alimenta de palavras, tanto é que nosso Cristo é revelado por João como o Verbo Vivo. O Pão Vivo é substantificado em nós pela Palavra que sai da boca de Deus. Chamamos de Palavra de Deus.

No segundo século começaram a surgir os primeiros escritores cristãos. Alguns deles ainda viram o apóstolo João em vida. O sobrevivente de Patmos, mesmo em idade avançada, antevendo o porvir tomou o encargo de advertir a Igreja contra os lobos vorazes do mundo religioso. Mal o ancião acabara de falecer, mestres zelosos acabariam por propor desvios sutis que culminaram em graves apostasias 14 séculos depois. Graças a Deus, que vela por Sua Palavra, muito da restauração das Verdades ocorreu entre o final do século dezenove e o início do século vinte. Hoje, algumas obras desse período foram consideradas velharia editorial e seus autores tratados como generais equivocados, obviamente por quem tem predileção por outros assuntos.

Uma pequena abordagem sobre o tema Igreja acaba em teologismo. Surge tanta peculiaridade que acaba por desviar o assunto para aquilo que não confronta o sistema. Tudo que foge à regra é caricaturado e rotulado. Sendo assim, o comprometimento da verdade não compete com as pretensões humanas. A Igreja continua não sendo distinguida. A confusão é tamanha que muitos afirmam que ela é desnecessária. Consideram-na templo, pequena ou grande organização religiosa fundada por missionário, bispo, apóstolo. Ocorre que, em meados de 1870, na Inglaterra, muitos autores cristãos deixaram farta e sólida literatura sobre o que gerou a degradação desde a morte de João, e o caminho adequado para a restauração, que é a edificação da Igreja.

É plausível a afirmação de obsolescência autoral, desde que apresentem autores atuais que, invariavelmente, estejam sobre os ombros daqueles que restauraram a verdade enclausurada pela religião. Sendo assim, o que Pedro, João e Paulo edificaram em Cristo não ruirá em eventualidades. A grande colcha de retalhos que a cristandade costurou alia-se aos véus, cobrindo a tendência da pluralidade "evangelástica" (Isso mesmo: que se estica para atender casuísmos), que a faz evitar o ônus do restrito falar dos apóstolos, cujo preço é Cristo e a Igreja.

No segundo livro de Samuel há uma profecia de que a Igreja seria edificada* pelo próprio Senhor. Leiam o que Deus disse ao Rei sanguinário**, na compreensão da restauração: "Davi, você está longe, ainda está desocupado e vazio. Não pense que você deve fazer algo para edificar uma casa para mim. Você deve perceber que precisa que Eu edifique a Mim mesmo em você. Então você terá uma casa, e tal casa também será a minha casa". Hb 3:6 comprova a profecia. Quem ama a Cristo é, de fato, louco pela Igreja. Não importa se muitos negligenciam; o Senhor está edificando a Igreja com Suas pedras vivas. Está escrito na Bíblia e em alguns livros cristãos. Bela literatura!

*Mt 16:18, 2 Sm 7:11, 1 Pe 2:5; **1Cr 22:8
Goiânia - GO
Textos publicados: 48 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.