Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Não temas, ao temer

"A importância ao outro, ajuda – me a compreender a noção entre o certo e o errado; ao ler a bíblia, permita – se ser lido por quem a inspirou’’.

Texto de Miqueias 4.4

O que o faz temer? O que causa receios, em você? Quais são suas inquietações que batem a porta da sua alma? Sem sombra de dúvida, não poderia ter sido deixado o décimo primeiro mandamento, conforme se encontra, ali, os dez mandamentos, em Êxodo 20.13-17, com o não temas, não receies e não se inquietem? É bem verdade, até hoje, enquanto redijo e articulo ideias, valores, princípios e direções, enquanto aguardo, aqui, no Fórum Trabalhista da Zona Sul, para participar de uma audiência, a resposta não veio. Não posso negar, o não temas se torna conveniente, quando situações difíceis e conflitivas acontecem no outro lado (do mundo, do bairro, da rua, do muro) e quando atinge alguém próximo de você, da sua realidade? Deveras, o não temas nos assusta, porque atinge aqueles com os quais nos importamos e quem compreende a sua responsabilidade, diante de terceiros. Então, o que fazer, há algum antídoto, porque viver envolve trilhar pela vida e isto nos faz incorrer por contextos de temor, de inquietação, de receio, de controvérsia, de dúvida e afins. Sim, podemos obter um caminho libertador, a qual nos faz olhar para os nossos temores e perceber uma Graça que declara:

- Eis que estou a porta e bato.

- Se abrires, entrarei e cearei contigo!

Vale dizer, cearei e partilharei não ir para esconderijos, mas o inundar com a força, com a coragem, com o destemor, com o refazer a fim de ir adiante. Dou mais uma pinçada, o cearei contigo, sem fingir que não há dissabores, que não aflições, que não ressentimentos.

Decerto, sem nos iludimos, como já dito, linhas acima, viver envolve desafios diários, escolhas nem sempre com a certeza de que tudo vai dar certo, até por não ser a vida uma caixinha de promessas ou os finais felizes das novelas e, mesmo assim, o texto de Miquéias 4.4, expressamente, apresenta-nos o Deus Ser Humano Jesus Cristo, com a promessa de não enfrentarmos sozinhos, de não estarmos solitários, de não nos fecharmos na mais mórbida solidão. Digo isso, em razão de o efeito mais letal do temer, do recear e do inquietar se identifica por nossa sensação de impotência, de inutilidade, de paralisação e, por isso, podemos alcançar alívio, lenitivo, afago, refúgio, através da oração, do responder ao divã da Cruz do Ressurreto, a qual nos afirma, sem rodeios, sem ladainhas, sem vernizes retóricos:

- Estou ao seu lado!

Sim e sim, não temas, pode se abrir, estou ao seu lado. Não temas, pode colocar a mágoa, aqui, Eu ajudo a carregar. Não temas, quando se sentir e estiver vulnerável, fragilizado, debilitado, acuado, pode colocar, aqui, Eu carrego. Não temas, não retenha esses pesos de culpas e condenações, pode por aqui, Eu ajudo a carregar, Eu o e a inundo com a esperança efusiva, a fé criativa e o recomeçar da maturidade. Não temas, venha sendo você, porque a minha presença os ajudarão a não fazer essa caminhada no vácuo.

Não se esqueça:

- Ao orar, posso ser alcançado pela presença que me traz sentido de ainda poder partilhar e compartilhar vida as pessoas.

Vou adiante, ao folhear a Bíblia, observamos Deus, Jesus Cristo afirmarem o não temas, sem fingirem a não ocorrência do temor, da aflição, da inquietação. Ora, não foi, assim, com Maria? Não foi, assim, com Moisés? Não foi, assim, com Josué? Não foi, assim, com Jacó? Não tem sido, assim, comigo, com você, com quem ainda vive as escolhas da vida?

Acredito, piamente, o quanto Deus está a par de toda uma sucessão de movimentos as quais nos inquietam, nos conflitam, nos receiam, nos temem, nos assustam e nos afligem e a resposta do Deus da bíblia sempre será:

- Eu e você não estamos, aqui, para viver em função do temor, apesar de que vamos temer!

Decerto, essa mensagem do Deus Ser Humano Jesus Cristo visa nos ajudar a não ser dominado pelo temor, devido a nos impedir de seguir e, também, de nos machucar, com acusações. Anota – se, quer nos ajudar a não deixar de sermos gratos, generosos, afáveis, conosco e com o outro e nos livra de nossa alma ser sufocada, o nosso espírito ressecado e o nosso corpo somatizado.
Por fim, embora não haja, em Êxodo 20: 13 a 17, o décimo primeiro mandamento, nos demais enredos da bíblia revelada, podemos ouvir:

- Não temas, ao temer!

- Não se envergonhe, quando temer!

- Não se vanglorie, diante da inquietação!

- Não veja o Deus Ser Humano Jesus Cristo como um estraga prazer!
São Paulo - SP
Textos publicados: 359 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.