Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Opinião

Uma lista de leitura sobre mulheres

Por Isabelle Ludovico

Como afirma o filósofo francês Gilles Lipovetsky, “nos últimos 50 anos, a condição feminina mudou mais do que a soma dos últimos milênios". Aqui estão algumas recomendações de leitura para entender essa condição:

“A Arte da Imperfeição”, de Brené Brown (Novo Conceito, 2012)
Um convite para identificar nosso perfeccionismo e nos aceitar humanas, imperfeitas e vulneráveis. Cultivar coragem, compaixão e conexão no lugar de medo, crítica e isolamento, escolhendo amar e viver com todo o coração.

"Não sou mais a mulher com quem você se casou", de Ago Burki-Fillnez (Paulus, 1997)

Este livro de minha mentora está, infelizmente, esgotado, mas ainda pode ser encontrado em sebos. É fruto de uma pesquisa com mais de 100 mulheres que saíram do modelo tradicional hierárquico de casamento para construir uma relação de mão dupla. Mostra as características necessárias nesta construção, como renovar o compromisso, flexibilidade e disposição para a mudança.

Presente do Mar, de Anne Morrow Lindbergh (Crescer, 1997)

Embora escrito em 1955, este livrinho é muito atual. Um convite para resgatar o essencial: o cultivo da simplicidade exterior, da integridade interior, e de um relacionamento mais inteiro que irradie para os outros relacionamentos. Os estágios da vida a dois são comparados com conchas até nos tornarmos dois seres inteiros e construirmos um amor que consiste em duas solitudes que se protegem, se tocam e acolhem uma à outra.

>> Mulheres: as conquistas dos últimos 50 anos e os desafios atuais <<

A Identidade feminina segundo Jesus, de Kari Torjesen Malcolm (Editora Vida, 2003)
A autora analisa a contribuição das mulheres na igreja. Ela pontua que buscar a identidade em papéis é um equívoco. Nossa identidade provém de um relacionamento afetivo com Cristo. Com Jesus, o projeto original de Deus foi restaurado. O homem e a mulher têm uma nova identidade na cruz.

Faça acontecer: mulheres, trabalho e a vontade de liderar, de Sheryl Sandberg (Companhia das Letras, 2013)

A autora foi considerada a quinta mulher mais poderosa do mundo e convoca as mulheres a aumentarem a sua autoconfiança, não se apegarem a modelos inatingíveis e fazer com que seus parceiros dividam as responsabilidades da casa. Muitos homens pressupõem que podem ter uma vida profissional de sucesso e uma vida pessoal completa. Para as mulheres, isto é difícil ou até impossível. Ela aponta barreiras externas e internas, principalmente o medo. Mas reconhece que “Há muito mais coisas na vida do que subir na carreira, como criar filhos, procurar realização pessoal, contribuir para a sociedade e melhorar a vida dos outros”.

Isabelle Ludovico da Silva
, psicóloga com especialização em Terapia Familiar Sistêmica.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Opinião

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.