Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias — --

31% são evangélicos no Brasil, diz Datafolha

Por Lissânder Dias

Pesquisa Datafolha publicada em janeiro aponta que 50% dos brasileiros são católicos; 31%, evangélicos; e 10%, sem religião. Ainda de acordo com o levantamento, as mulheres representam 58% dos evangélicos e são 51% entre os católicos. No Brasil, as mulheres representam 52% da população. Entre as igrejas neopentecostais, o percentual é ainda maior: 69% são do sexo feminino.

Quanto à cor, há mais negros evangélicos do que católicos. Se somados, os que se declaram pardos (43%) ou pretos (16%) representam 59%, enquanto os católicos são 55%. Quanto à escolaridade, 35% dos evangélicos estudaram até o ensino fundamental, 49% até o ensino médio e 15% tem ensino superior. Dezenove por cento dos evangélicos são jovens. O Norte é a região mais evangélica (39%) e o Nordeste é a menos evangélica (27%).

A pesquisa foi feita nos dias 5 e 6 de dezembro de 2019, com 2.948 entrevistados em 176 municípios de todo o país.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.