Apoie com um cafezinho
Ol? visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Juventude evangélica é convocada à definição de políticas públicas

(ALC) Com o objetivo de ampliar a participação da juventude para além das organizações eclesiais, jovens evangélicos de onze denominações e de 12 Estados brasileiros convocam as organizações de juventude evangélica e colaboradores a participarem do II Seminário de Políticas Públicas de Juventude, agendado para o próximo dia 9 de dezembro, em Brasília. 

A proposta do encontro é estabelecer um espaço de diálogo sobre políticas públicas de juventude implementadas no Brasil. O seminário também pretende fomentar o debate em torno das práticas em favor de um maior engajamento social, político e cidadão dos cristãos evangélicos para que estes desenvolvam postura crítica em relação ao papel do Estado e da sociedade civil organizada. 

Em carta intitulada “Políticas públicas de juventude: momento de participação”, os jovens argumentam que a Igreja Evangélica Brasileira apresenta um enorme potencial para mudar a realidade social. “A afirmação de que o jovem contemporâneo é apático em relação a qualquer tipo de organização não se aplica à juventude evangélica”, enfatiza a carta que convoca as igrejas a perceberem a capacidade de cada jovem em ser um agente de transformação. 

Na missiva os jovens sublinham que frente a um regime político democrático, como ocorre no Brasil, em que a escolha dos representantes políticos ocorre através do voto popular há quase 20 anos, a juventude não tem somente o direito, mas também o dever de acompanhar, fiscalizar, questionar e influenciar as decisões do Estado. 

A realização deste II Seminário de Políticas Públicas de Juventude antecede e prepara as reflexões previstas para a Conferência Nacional de Juventude, que também terá lugar na capital federal, de 27 a 30 de abril de 2008. Este encontro nacional pretende contribuir na mudança da compreensão da sociedade sobre o tema da juventude; promover o direito à participação; identificar desafios e prioridades de atuação para o poder público; além de fortalecer a rede social e institucional relacionada ao tema. 

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), do Ministério da Educação e do Banco Mundial estimam que a população brasileira jovem chegue a 50 milhões, o que representaria 26% da população total. Destes, três milhões não são alfabetizados e apenas 20,7% da população adolescente brasileira possui algum tipo de ocupação.

Fonte: www.alcnoticias.org

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.