Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Repreenda tempestades

Vivemos tempos sombrios. Calamidades, rumores de guerras atômicas, pandemia, conspirações mundiais, etc. Sentimos na nossa particularidade, no trabalho, na família, na saúde, efeitos colaterais que vem do outro lado do mundo. Como você tem suportado esse tempo? Como tem atravessado estes mares bravios? Como estão a tua mente, as tuas emoções e a tua saúde? Onde você tem buscado sabedoria e proteção no caos? A Palavra de Deus pode nos auxiliar?

Certa vez, Jesus entrou num barco com seus discípulos e os mandou atravessar para o outo lado do Mar da Galileia. No meio da jornada, enquanto o Mestre dormia, lhes sobreveio um vento tempestuoso. Eles, atemorizados, o acordaram e Jesus repreendeu a tempestade. Ele os advertiu: Onde está a vossa fé? Eles ficaram admirados: Quem é este que até o mar e os ventos lhe obedecem? — Lc 8.22-25.

Note que a questão principal no texto não é o poder extraordinário de Cristo. Jesus os indaga a respeito do exercício da fé: Cadê a vossa fé? Esse é o ponto. O Mestre deixa claro que eles poderiam ter resolvido a questão: ter repreendido a tempestade. Mesmo se o Salvador estiver "dormindo", aparentar estar ausente, alheio, exerça sua fé.

Lembre-se que você está atravessando esta vida sob o comando do seu Senhor. Espero que sim! A partir daí, Ele é o responsável, o cabeça, então o cuidado é um pressuposto dele; a obra é dele. Faça o que te cabe e descanse na sua liderança. Você está em missão, foi ele que te enviou. Exerça sua fé.

Um dia estaremos com Ele face a face, literalmente, mas hoje, nossa dimensão é terrena, e frequentemente vai aparentar que o Mestre "dorme". A cada dia acenda o fogo da confiança, da convicção, da fé naquilo que os olhos não veem. Medite na Palavra, ore, adore e relembre o que você já viu e ouviu a respeito de Jesus. Ponha lenha na fogueira!!

Tempestades naturalmente acontecem, outras, Deus permite, ainda outras, nós provocamos. Não provocar está ao alcance, seja sábio. As que não controlamos, seja forte para atravessá-las e, quem sabe, maduro para repreendê-las. Qual seu nível de fé? Navegue, mas que o real comando do barco seja do Mestre.

Ao longo de nossa travessia, uma coisa é certa: o mau tempo virá, só não sabemos quando. Cabe-nos a vigilância! O vento bom sempre para para que o vento da tempestade entre. Ele vem de outra direção, com outra temperatura e velocidade. Logo aparecem nuvens escuras e ondas bravias. Observe! Prepare-se! Desde já, mais cedo, repreenda as forças contrárias! Na tentação de Jó, sob a permissão de Senhor, Satanás age através da natureza para destruir sua família e seus bens. Orai e vigiai! Tempestades e bonanças são eternos ciclos, devemos dominá-los e sermos constantes. Seja resiliente como um exímio navegador que quando vem uma tempestade ele não se atemoriza e a transpassa com êxito.

Jesus despertou, acalmou a tempestade, mas os repreendeu: Onde está a vossa fé? Ou seja, "Há tanto tempo vocês estão comigo e não tem aprendido, aumentado a fé?" Isso não está escrito, mas quem sabe se o Mestre não dissertou um pouco mais. A Bíblia diz que nós somos Embaixadores do Reino, então não retenha o poder que há no nome do Rei. Não seja tímido. Você é o que o Mestre diz o que você é!

Ao final de tudo, os discípulos ficam admirados: Quem é este, que até o mar e os ventos lhe obedecem? Esta não foi a primeira maravilha operada pelo Mestre, mas o homem é o craque da incredulidade, da dúvida. Deus odeia o dúbio, o que oscila feito uma onda. Ele ama o de coração firme, crente. Quem tem intimidade e conhecimento do Altíssimo não fica pasmo com seus feitos, fica sim alegre em vê-lo cumprir o que já esperava. O espanto, a admiração são para os que não o conhecem e nem o viram. Você é filho, e filho conhece o pai e lhe imita. Há alguns, que mesmo decorrido tempo, ainda são meninos na fé.
Quem é este? Este é Jesus, o Filho do Deus vivo, o Unigênito do Pai, o Deus encarnado que habitou entre nós e retornará em glória! Então... Repreenda tempestades!

Na sua aflição, clamaram ao Senhor, e ele os tirou da tribulação em que se encontravam. Reduziu a tempestade a uma brisa e serenou as ondas. As ondas sossegaram, eles se alegraram, e Deus os guiou ao porto almejado. Salmos 107.28-30
Rio De Janeiro - RJ
Textos publicados: 62 [ver]
Site: http://albanisioribeiro.blogspot.com.br/
Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.