Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Não desvie o assunto

Não finja que é sobre política, educação, saúde ou salvar o planeta…
Não se distraia com o que não é realmente importante.

Não imagine que é sobre "dar certo na vida", empreender, encontrar um amor ou ficar famoso…
Não desvie o assunto.

Não invente que é sobre viajar, espremer a vida ao máximo para obter algum prazer…
Se tudo acaba…
Que diferença fará daqui a cem anos?

É sobre o sentido da vida, sobre como termina essa história.
E, se não termina, o que vem depois?

É sobre a eternidade gravada no coração, sobre o anseio pelo que nada nesse mundo pode satisfazer.

É sobre prestar contas ao Autor disso tudo; sobre uma consciência culpada, que sabe que transgrediu as leis gravadas nela!

É sobre um réu que tenta se esconder acusando outros - "veja, ele também é culpado!".
Já ouvimos essa história, já repetimos e repetimos…

Mas não mude de assunto - pouco importa quantos condenados você é capaz de apontar ao redor -, sua culpa é real!

Há um mal real causado por você - alguém sofre por sua promessa quebrada, foi lesado por sua mentira, atingido por seu egoísmo, afetado por sua preguiça, negligenciado por sua irresponsabilidade, induzido a erro por seus erros -, uma ofensa palpável contra o Senhor do Universo. É diante dEle que você terá que prestar contas!

Não há terapias, drogas, ideologias capazes de apagar sua culpa.
Fingir que não é real não funciona. Vociferar ódio contra familiares, o governo, a sociedade ou quem quer que seja, não vai transferir sua culpa.

Se distrair no engajamento por alguma boa causa não muda o fato de que é culpado. Boas obras não cobrem as más.

O que diríamos de um juiz que deixasse livre um assassino porque este salvou uma baleia ou ajudou um idoso a atravessar a rua?

Não pense que pode acumular boas ações para quitar o mal que você fez - não pode! O Juiz é justo - ou não teria condições de ocupar o posto de Juiz de todo o Universo.

Você sabe que transgrediu os mesmos princípios dos quais acusa outros de serem culpados. Bastaria sua própria jurisprudência para condená-lo!

Não tente disfarçar…
O engajamento pela paz no mundo, a luta por uma sociedade melhor não escondem seus conflitos internos, nem sua inabilidade para manter a harmonia em seu próprio lar - e, principalmente, não escondem que está em guerra com Deus.

É sobre obter a paz com Deus!

E acha que pode se distrair com outros assuntos? Pode desperdiçar a vida assim, fingindo que o tema é outro?
Quanto vale o agora na escala de medidas da eternidade?

Até quando correr atrás do vento - buscando prazer, sucesso, poder e até a pretensa harmonia no mundo? Que diferença todas essas quinquilharias farão daqui a cem anos?

Se a consciência já cobra caro (noites de sono, ansiedade, medo do medo - haja terapias, drogas e nenhum resultado que acalente o coração inquieto), quanto cobrará o Senhor da vida diante de quem você prestará contas?

É sobre encontrar a paz com Deus! Por que desperdiçar o agora com outra busca senão aquela que realmente importa?

"Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo" (Romanos 5.1)

"Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus." (Romanos 8.1)
Taguatinga - DF
Textos publicados: 69 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.