Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Isto é muito triste

As pessoas esfriam no seu relacionamento, na sua amizade, na sua fé. As dificuldades da vida, os entreveros, os desacertos do dia a dia levam a pessoa a esfriar, a mudar de opinião, a mudar o seu padrão e as suas atitudes. Quanta gente já mudou, já esfriou comigo e vice versa? O ser humano não é um objeto, mas às vezes se muda e se altera com o tempo, dependendo da sua realidade. A mudança mais sentida é quando envolve a vida sentimental. Já sofri muito com isto. A pessoa ficava tão emocionada com a minha presença que até chorava de alegria, pouco tempo depois virou uma estátua fria, inerte e acabou me dando o "cartão vermelho" e, obviamente me expulsando de campo. Mas eu procurei entender porque sei que o ser humano é assim mesmo. As pessoas esfriam como sopa e perdem o seu sabor.

A pior frieza que existe é aquela em que a pessoa ignora a outra e não aceita mais nem a sua amizade. A partir daí é como se a pessoa não existisse mais. Infelizmente, isto acontece cada vez mais em nossa sociedade sempre ativa, pertinente, consciente, mas que às vezes se esquece do mais importante que é a união, o reconhecimento, amizade, o carinho e o respeito para com o ser humano. A Bíblia diz que "Por se multiplicar a iniquidade o amor se esfriará de quase todos". Muitas vezes a amizade e o companheirismo estão atrelados à vida financeira e social. Quando uma pessoa desce os degraus na sua vida social, em geral os "amigos" se afastam para bem longe evitando assim qualquer contato com aquela pessoa. Nesse mundo o que fala mais alto geralmente é a condição financeira da pessoa. O mais triste é quando isto acontece na família. Já fui vítima disto quando passei por uma fase de desemprego que, embora curta, deu pra eu ver o que realmente algumas pessoas são. Interessante que essa pessoa, alguns anos depois me pediu dinheiro emprestado e eu emprestei sem juros e sem correção monetária. Ser descartado é muito ruim, nos traz uma sensação de mal estar incomparável. É como se fosse algo que está sendo avaliado e antecipadamente é descartado. Imagino uma pessoa sendo abandonada numa estrada, ou impedida de ser embarcada porque não possui o tal "passaporte sanitário", ou coisa que o valha. Sozinho na noite na beira da estrada sendo iluminado pelas luzes dos carros que passam e se vão a esmo. Amizade e relacionamentos são coisas sérias que só devem ser desfeitos em caso de morte, mas existem casos e casos e alguns desses casos não acontecem por acaso, mas são exceção aos outros casos. Nesse caso, isto é plenamente possível e até preferível.

Na vida existem estradas, mas também existem becos, vielas e trilhos às vezes sem saída. Hoje estamos bem socialmente, ou aparentemente bem, mas nunca sabemos o dia seguinte e o que ele nos reserva. Há coisas que são inexplicáveis para os homens, mas Deus sabe e explica todas as coisas no seu devido tempo. O fato é que para nós existem coisas muito tristes e até insuportáveis do ponto de vista humano. Fomos criados para vivermos unidos. "Oh quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união!". (Salmo 133). Este é o desejo de Deus e também é um mandamento bíblico, mas nem sempre isto é possível aos homens. São fatos e fatores que fogem da nossa capacidade de discernir e de aceitar. Mas Deus nos conhece e nos perdoa através do seu amor imenso e eterno.
Mogi Guaçu - SP
Textos publicados: 542 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.