Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Futebol

Escrever sobre a loucura que é o futebol é chover no molhado. Parece uma tarefa fácil, mas não é. Não vou dizer que futebol seja uma unanimidade porque "toda unanimidade é burra", como bem disse Nelson Rodrigues, mas é uma loucura de dar dó. Parece que não existe nada sem o futebol, pois ele é como uma sobremesa. Já ouvi pastores falarem de futebol no púlpito da igreja e fazendo comparações, ou afirmando ser torcedor deste ou daquele time e isto já vem de longe. Já vi templos não abrirem porque na hora do culto a Seleção estava jogando e ninguém ia sair da frente da televisão. Tem pastor que usa uma camiseta do seu time preferido por baixo do paletó. Enfim, o futebol já tomou conta do mundo.

Eu não posso negar que tenho simpatia por um time de Minas desde a minha adolescência. Por que será que o futebol causa esse frisson nas pessoas? Eu estive pensando que antigamente era pecado crente torcer por futebol, em algumas igrejas era até caso de exclusão. Mas de uns tempos para cá eu comecei a pensar: se ninguém dá jeito nisto, por que se preocupar? A salvação é individual, tem coisa pior do que o futebol, uma delas é a bebida alcoólica, que muitos crentes tomam e tantas outras como, por exemplo, o cigarro, que muitos crentes usam, tanto homens quanto mulheres. Perto disto, o futebol é só um esporte como outro qualquer. Minha mãe já dizia; "Nem tanto ao mar, nem tanto à terra", ou seja, todo exagero é prejudicial. Tudo que é demasiado é prejudicial e contamina a pessoa. Nossa vida é um segredo, o ser humano é uma caixinha de segredo. Ninguém pode garantir ninguém. As pessoas vivem muito sozinhas e adulto sozinho é igual criança: quando menos se espera está mexendo com fogo, ou está querendo pular n"água. Fazendo uma análise simples, o futebol é dos males o menor. Talvez o grande perigo do futebol é que ele prende muito a pessoa, envolve tanto a ponto de enlouquecer. Não vou citar nomes, mas existem times no Brasil cuja torcida é tão fanática que destrói patrimônio, põe fogo em condução e até se matam quando o seu time perde. Briga de torcidas rivais são normais em dia de grandes jogos. Uma das soluções é não permitir que torcedores frequentem os estádios, mas isto é ilegal do ponto de vista humanitário, pois é um dos direitos do cidadão. Mas isto são casos isolados. Tem muita gente que "sabe torcer" e respeita o torcedor adversário. Certa vez eu estava viajando no interior de Minas e uma pessoa sentou perto de mim e me perguntou se eu torcia para algum time e qual era esse time. Quando eu falei, ele me disse que torcia para o rival do meu time. A seguir, ele me disse que gostava de conversar sobre futebol, mas sempre respeitava o outro time. Conversamos bastante, demos até alguma risadas sempre respeitando o rival. Descobri que ele sabia mais sobre o meu time do que eu. Quando ele desceu do ônibus eu senti falta daquele papo sadio com o torcedor de um time do qual eu nunca gostei, porque sempre foi um rival difícil de vencer.

Essas coisa acontecem no futebol e na vida real, já que o futebol, para o torcedor, é uma grande ilusão, um passatempo. Enquanto vivemos aprendemos em todas as áreas da vida. O nosso aprendizado é constante. Hoje prefiro falar de Jesus a falar de futebol, ou de qualquer outra coisa. Jesus deve ser o centro de nossa vida. Todas as coisas passam, mas Ele permanece porque de eternidade a eternidade ele é Deus. Nesse mundo, nada tem valor absoluto. Aqui, tudo é uma mera ilusão. É como correr atrás do vento, pois essa vida é só um breve momento. "Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e será eternamente". (Hebreus 13.8)
Mogi Guaçu - SP
Textos publicados: 532 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.