Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Seções — Em letras grandes

Faça-se de surdo!


Há vozes estranhas dentro de você, exigindo uma porção de coisas absurdas ao mesmo tempo. O tom é excessivamente autoritário e por demais ousado. Elas pedem que você abandone o seu cônjuge, que você cometa adultério, que você derrame o seu ódio contra o desafeto, que você volte às drogas, que você pratique um assalto, que você se relacione sexualmente com uma pessoa do mesmo sexo, que você mande às favas sua experiência religiosa, que você negue a seu Deus, que você use sua língua para arruinar alguém, que você dê um tiro no ouvido. É uma situação extremamente perigosa.

Numa situação assim, você não pode agir passiva e covardemente. Quando o poderoso Ben-Hadade, rei da Síria, mandou dizer a Acabe que a prata dele, o ouro dele, as mulheres dele e os melhores filhos dele eram seus, o rei de Israel, sem a menor resistência, respondeu: “Eu sou teu e tudo o que tenho” (1 Rs 20.1-12).

Não, não faça assim! Faça, porém, como os conselheiros de Israel falaram com Acabe: “Não lhe dês ouvidos, nem o consintas”. Seja sensato, não dê ouvido a essas vozes estranhas e absurdas que, às vezes, quebram o silêncio e fazem exigências inaceitáveis!

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.