Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Especial — Natal em profundidade

A história do Natal não começa em Belém da Judéia, quando Quirino era governador da Síria nem quando César Augusto reinava sobre o vasto Império Romano.

A história do Natal começa algum tempo antes e em algum lugar muito além da Palestina e do planeta Terra, quando o Filho disse ao Pai: “Eis aqui estou para fazer, ó Deus, a tua vontade” (Hb 10.7).

A vontade de Deus era que o homem e a mulher fossem salvos da culpa e do poder do pecado de algum modo que não prejudicasse sua inteira santidade. Já havia sacrifícios de animais como oferta pelo pecado. Mas era algo transitório, muito pobre, que apontava para um único e perfeito sacrifício que estava por vir. Daí o oferecimento de Jesus nestes termos: já que sangue de touros e de bodes não pode remover pecados, “eis aqui estou para fazer, ó Deus, a tua vontade”. E é nessa vontade “que temos sido santificados, mediante a oferta do corpo de Jesus Cristo, uma vez por todas” (Hb 10.10).

O oferecimento de Jesus foi aceito e, então, o Verbo se fez carne, primeiro no ventre de Maria, em Nazaré da Galiléia. Depois de nove meses de gravidez, Jesus nasceu em Belém da Judéia, por ocasião do primeiro recenseamento ordenado por César Augusto.

João Batista conhecia toda a história desde o princípio, e não apenas a partir do parto de Maria em uma modesta manjedoura em Belém. Por essa razão, ele soube apresentar corretamente o Senhor Jesus aos seus discípulos: “Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo” (Jo 1.19).

É por causa dessa impressionante origem que o último Natal do segundo milênio precisa ser comemorado com profundidade, com a mais respeitosa seriedade!

Faça de Jesus o seu Salvador e o seu Senhor neste Natal.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.