Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Colunas — Caminhos da Missão

Com Jesus, em missão

Por Márcia Tostes

Relatório do COMIBAM 2017


De 22 a 25 de agosto de 2017, cerca de 1600 pessoas se reuniram em Bogotá, Colômbia, para o IV Congresso Missionário Ibero-americano, demonstrando a vitalidade da obra missionária nos continentes. Foram quatro dias intensos de encontro com Deus, com nossa vocação e com os outros. Foi um tempo de adoração, oração, estudo da Palavra de Deus, reflexão, diálogo, celebração e observação de nossa história como movimento missionário ibero-americano, com nossas fortalezas e fraquezas.

Na abertura, David Cárdenas, presidente da Cooperação Missionária Ibero-americana (COMIBAM), deu as boas-vindas e enfatizou o propósito do congresso -- meditar sobre Lucas 10 --, reconhecendo que nossa experiência missionária deve ocorrer segundo o modelo de Jesus.

A partir de Lucas 10, quatro movimentos básicos foram direcionados: rogar ao Senhor, ir, expressar o reino de Deus e voltar para ser de novo enviado. O programa foi dividido em: reflexão bíblica, plenárias, testemunhos e debates, sob a direção de Valdir Steuernagel.

Desafios específicos foram apresentados pelos preletores e por meio de diversificadas oficinas para as quais os participantes se dirigiram conforme seus interesses. Em uma das tardes foi realizado o Transforma Bogotá, com cerca de 700 participantes que se espalharam pela cidade para diversas ações missionárias.

Outro momento importante foi a celebração dos 30 anos do COMIBAM. Rudy Girón lembrou que, em 1917, a América Latina foi considerada campo missionário e, em 1987, por ocasião do Primeiro Congresso Missionário Ibero-americano, realizado em São Paulo, Brasil, a América Latina foi declarada força missionária. Desde então aconteceram outros três congressos: em 1997, Acapulco, México; em 2006, Granada, Espanha; e agora, a quarta edição do COMIBAM, salientando a volta à simplicidade do evangelho para encarar a complexidade da missão.

Levi de Carvalho apresentou os resultados da pesquisa “Forças e fraquezas do movimento missionário ibero-americano” realizada pelo COMIBAM. Um ponto relevante para nossa reflexão em relação ao Brasil foi a questão do preparo para o campo.

A delegação brasileira contou com 156 participantes, além de brasileiros que vieram de outros países. Em reunião com essa delegação no último dia do evento, Paulo Feniman, representante da Associação de Missões Transculturais Brasileiras (AMTB) no COMIBAM 2017, disse estar satisfeito com o número significativo de pastores, líderes de agências missionárias e representantes de centros de treinamento missionário. Bertil Ekströn refletiu sobre o momento do movimento missionário ibero-americano com a nova geração, apoiada pela geração anterior, o que traz esperança para o futuro.

O representante mais novo da delegação oficial brasileira, Felipe Coelho, 23 anos, participante ativo do Movimento Vocare, disse que o congresso, por meio de diferentes conexões, foi uma resposta de Deus para o próximo passo rumo a missões. Somando à turma mais jovem, estavam Elisa Camargo, 19 anos, e Vitória Azevedo, 20 anos, que trabalharam como voluntárias. Que venham mais!

O COMIBAM 2017 impactou pelo ambiente de humildade, simplicidade e riqueza em encontros, conversas, conexões e parcerias. Trouxe desafios e um desejo intenso de seguir adiante, com Jesus, em missão!

• Márcia Tostes é diretora executiva da Missão Antioquia e membro fundadora do Cuidado Integral ao Missionário (CIM), um departamento da Associação de Missões Transculturais Brasileiras (AMTB).


Leia mais
Versão ampliada do artigo “Com Jesus, em missão”
Fortalezas e debilidades do movimento missionário ibero-americano

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.