Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Seções — Carta ao Leitor

Reforma, sem invenção de moda

Os 500 anos da Reforma Protestante estão sendo comemorados no Brasil e no mundo. O reconhecimento da relevância deste movimento extrapola os ambientes protestantes. Em seu blog, a jornalista Miriam Leitão publicou, em janeiro de 2017, o artigo “Os 500 anos da Reforma Protestante, que abalou o mundo”. A autora afirma: “Apesar de ter nascido de uma discussão teológica e doutrinária, a Reforma é, sobretudo, uma efeméride laica porque representou valores universais que marcaram o fim da Idade Média e prenunciaram o Iluminismo [...] Por ter tido educação protestante, nunca achei que 31 de outubro é o dia das bruxas. Sempre foi o dia em que Lutero, em 1517, começou uma revolução”.

Lutero e os demais reformadores não inventaram moda. Eles deixaram claro que a fé evangélica é a fé cristã em sua forma original e autêntica. E Lancelot Andrewes, no início do século 17, cunhou o epigrama: “Somos renovadores, não inovadores”.

Ultimato também não quer inventar moda. Com a matéria de capa desta edição, A Reforma 500 anos -- Por que é importante lembrar , queremos encorajar a contínua redescoberta das boas novas do evangelho, que continuam relevantes para o nosso mundo.

A entrevista desta edição é uma conversa com o presidente da Associação de Missões Transculturais Brasileiras (AMTB), Cassiano Luz, e outros preletores do Congresso Brasileiro de Missões 2017 sobre os novos desafios, as mudanças na força missionária e as características de uma igreja missional.

Desde o ano passado planejamos publicar o infográfico “Brasil -- Um retrato em preto e branco” (p. 43-45 ). Os dados são atuais graças a importantes relatórios divulgados entre janeiro e junho de 2017. Em 6 de junho, dia em que foi divulgado o Atlas da Violência 2017 , quase todos os noticiários destacaram a “cor” dos homicídios no Brasil: “Em cada dez vítimas sete são negras”.

Um assinante de Natal, RN, mandou-nos este simpático recado: “O tamanho das letras dos artigos é um verdadeiro castigo para nós idosos. Fica muito incômodo ler uma revista com o auxílio de uma lupa. Fico deveras muito triste por deixar de receber uma revista que espero com grande expectativa a cada [edição]”. Uma boa notícia para ele e outros que têm feito a mesma queixa quanto a algumas páginas da revista: em várias seções fizemos alterações para melhorar a legibilidade. Para 2018, quando Ultimato completará 50 anos, haverá mudanças mais profundas no projeto gráfico.

Boa leitura!

• Klênia Fassoni

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.