Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias — --

Quem está na garupa não pega na rédea

O psicanalista Francisco Daudt explica que a palavra autonomia vem do grego -- “regras para si” -- e “significa mandar na própria vida, tomar decisões e rumos próprios”. Acrescenta: “O que não for proibido por lei será de nosso direito fazer”.

Para o verdadeiro cristão, a liberdade de fazer o que se quer é menor. Como cidadãos deste mundo, nosso limite de fato é a Constituição do país, mas como cidadãos dos céus (Fp 3.20), o limite é bem maior. Jesus não ocultou isso de ninguém: “Se alguém quer ser meu seguidor, que esqueça os seus próprios interesses, esteja pronto para morrer como eu vou morrer e me acompanhe” (Mc 8.34; Lc 9.23). (Na paráfrase de Peterson lê-se: “Quem quiser seguir-me tem de aceitar a minha liderança. Quem está na garupa não pega na rédea. “Eu” estou no comando”.)

 

Muito provavelmente, essa restrição da autonomia humana, imposta por Jesus -- para o nosso bem -- é a maior razão para a não aceitação do evangelho.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.