Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias — --

Pastores dizem que nada deve substituir o estudo sério e regular das Escrituras

Tem muita relevância o que os cinco pastores adventistas do Instituto de Pesquisa Bíblica declararam aos editores da revista “Ministry”, nos Estados Unidos, transcrito na revista congênere “Ministério”, uma publicação da Igreja Adventista do Sétimo Dia, aqui no Brasil. Eles têm sólida experiência pastoral, administrativa e acadêmica. Entre o que foi dito na entrevista, destacam-se os seguintes pronunciamentos:

 

Da parte de “Artur Stele”, nascido no Cazaquistão e diretor do instituto: “Ler literatura teológica é importante, mas isso jamais deve substituir o profundo e regular estudo da Palavra de Deus. Não podemos criar rótulos, dizendo que os teólogos trabalham no escritório e os pastores, no campo: em última instância, ambos estão envolvidos na mesma tarefa, ou seja, são pastores que têm a Bíblia como fundamento de suas crenças, seu ensino, sua pregação e suas atividades diárias”.

 

Da parte de “Elias Brasil de Souza”, ex-professor do Seminário Teológico da Faculdade Adventista na Bahia: “Os estudantes são acostumados a uma abordagem mais devocional nas respectivas congregações. Quando eles pregam ou dão estudos bíblicos, fazem isso de maneira devocional. Mas, quando chegam ao seminário, tendem a desenvolver uma abordagem mais acadêmica do estudo bíblico. Nesse contexto, frequentemente negligenciam a apropriação pessoal das Escrituras. Porém, não devem se esquecer de estudar a Bíblia devocionalmente e manter sua vida de oração”.

 

Da parte de “Ekkehardt Mueller”, natural da Alemanha: “O pastor deve buscar a excelência em tudo o que fizer. Não estamos aqui para ser colocados em um pedestal e ser admirados, mas para servir. Todo pastor deve se esforçar para fazer o melhor, permanecer humilde, aprender com outros, ouvir a igreja e os colegas”.

 

Da parte de “Kwabena Donkor”, natural da África: “Quando um pastor negligencia o estudo e a leitura, seu ministério entra em uma zona perigosa [...] Quando entramos em uma rotina em que fazemos as mesmas coisas, pregamos os mesmos sermões, esse é o sinal de que chegou o momento de ler, estudar e criar uma visão”.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.