Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Capa

Da máquina de costura às parafernálias contemporâneas

Délio Porto Fassoni
 
Por ser uma pessoa fascinada com a história antiga, acho que o feito mais notável da humanidade foi a invenção da agricultura. Ela permitiu que a humanidade deixasse a fase coletora e extrativista, passando a controlar a natureza. O excedente agrícola gerou também o tempo livre necessário para que surgissem as demais invenções. Após a agricultura (e as técnicas a ela associadas, como a irrigação e o armazenamento) surgiram a roda, o veículo de transporte, o barco, as técnicas de navegação, o comércio internacional, a moeda, o registro contábil, as cidades, o sistema de governo, a legislação, o controle burocrático, a culinária, a tecelagem, a cultura, além de muitas outras invenções, principalmente a escrita (criada pela necessidade do registro de mercadorias). A partir da escrita o homem saiu da idade da pedra e do analfabetismo, passando a fazer registros históricos. Antes da escrita foram 90 mil anos de extrativismo (caça, pesca e coleta de frutos) sem registro histórico algum. A civilização teve início por causa da agricultura, uma técnica que levou séculos para ser plenamente desenvolvida. A humanidade (e a civilização) surgiu do “jardim” e, depois do jardim, surgiu “o livro” (isso lembra Gênesis).
 
Outras invenções que fizeram muita diferença na história humana foram o sistema decimal de numeração, a bússola, a pólvora, a máquina autopropelida, o rádio e a penicilina. O nosso tempo é marcado pela invenção do motor à combustão e do circuito elétrico, dos quais dependem quase todas as demais parafernálias contemporâneas.
E pessoalmente tenho uma fascinação pela máquina de costura, por causa da sua simplicidade, inteligência e acessibilidade (até a minha avó, que era manca e sem estudo formal, usou uma).

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.