Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Seções — Carta ao leitor

Geladeira estragada

Há algum tempo me encontrei com um amigo e irmão assembleiano em frente ao templo da Igreja Presbiteriana de Viçosa. Ele olhou em direção à igreja e me perguntou de chofre: “Como vai esta geladeira?”. Devo ter dado uma resposta conciliatória. Talvez tenha dito que a geladeira estava estragada e não esfriava nem congelava as ovelhas. Meu amigo não falava por mal. Sua frase exprimia um preconceito das igrejas pentecostais contra as igrejas históricas -- preconceito existente também em sentido inverso.

Ultimato se alegra com o centenário das Assembleias de Deus no Brasil, celebrado no mês de junho em todo o país, especialmente em Belém do Pará, onde tudo começou. Nada mais justo e oportuno do que deixar o leitor por dentro da caminhada dos assembleianos brasileiros, desde a organização de sua primeira igreja, em junho de 1911, até hoje.

Temos ainda outros pratos cheios nesta edição. Em sua coluna, Alderi Matos diz que “o cristianismo tem uma concepção elevada do ser humano e afirma a dignidade e até mesmo a sacralidade da vida”. A exortação de Catito aos casais é muito oportuna: “Nosso ‘irmão’ mais próximo é o nosso cônjuge e amá-lo significa dar a vida por ele”. Ricardo Barbosa encoraja os que andam pelo caminho apertado: “O caminho estreito é o caminho da criação, da redenção, o caminho de Jesus”. A propósito do PLC 122, Robinson Cavalcanti reafirma que a sexualidade deve ser entendida “como um dom de Deus, a ser exercitada no matrimônio heterossexual monogâmico vitalício”. Rubem Amorese é cauteloso ao falar do reino dos céus: “Suponho que a hierarquia do poder do reino dos céus é mantida pela submissão voluntária e a autoridade é exercida sobre aqueles que a ela se sujeitam voluntariamente”.

Valdir Steuernagel escreve da Galileia, de frente para o mar de Tiberíades. O cenário o faz recordar e dividir com o leitor momentos especiais da vida de Jesus.

Por fim, temos uma das pérolas pentecostais, escrita em 1930 por Paulo Leivas Macalão: “Quantos pregadores mencionam ao pecador a cor e o perfume da rosa, mas se esquecem de avisá-lo dos espinhos”.

Elben César

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.