Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Seções — Profissionais em missão

Quando o telefone tocar...

André Aureliano

O telefone toca:

-- Após 45 dias de pressão internacional na tentativa de enviar ajuda humanitária às vítimas do ciclone Nargis, o governo de Myanmar finalmente autorizou a entrada de ajuda estrangeira. Temos uma porta aberta e precisamos de médicos cristãos imediatamente. Você pode ir?

-- Desculpe, tenho compromissos. Não será possível.

Desligo e conto à minha esposa, que me questiona: “Você tem certeza? Não será esta uma oportunidade para Deus usá-lo numa situação tão crítica?”

Era melhor repensar... Um novo telefonema, agora por minha iniciativa, pedindo mais detalhes da situação. Orei e acabei por aceitar o desafio.

Foi Deus quem me tornou médico. Médicos são profissionais com acesso a áreas restritas.

Myanmar, antiga Birmânia, possui um governo militar ditatorial que controla não só a população, mas também a permanência de estrangeiros no país. Somente turistas e profissionais de interesse para o país têm permissão para entrar. As condições de saúde são precárias e os médicos são muito necessários -- ainda mais após um ciclone que ceifou mais de 100 mil vidas e atingiu cerca de 1 milhão de habitantes. No sul do país, casas, plantações e meios de subsistência foram completamente destruídos.

Alguns conseguem enxergar, além da destruição, uma porta aberta para profissionais cristãos ajudarem a população. Nem sempre são missionários convencionais, mas servos com capacitação específica e orientação clara de Deus a respeito da expansão do reino.

As portas permanecem abertas em Myanmar. Depois de outras equipes de saúde terem viajado para lá, veio um convite oficial para a instalação de um hospital e de um orfanato.
Ainda há muito por fazer e oportunidades de servir ao Senhor como fazedor de tendas -- profissional capacitado e com a visão de pregar e viver o evangelho.

Quando o telefone tocar, qual será a sua resposta?


André Aureliano, casado, um filho, é médico e trabalha na Amazônia.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.