Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Especial — Brasileiros publicam nos Estados Unidos livro absurdo sobre os tempos do fim

Acaba de ser publicado em Boston, nos EUA, o livro “O Triunfo Eterno da Igreja” (372 páginas), escrito em português. Fica difícil mencionar o nome do autor ou autores por causa da natureza da obra. Na ficha catalográfica há uma explicação: “Este livro foi dado por revelação, após uma seqüência de arrebatamento de sentidos do Grupo de Oração da World Revival Church — Assembly of God, na região de Boston, EUA, sob a liderança e coordenação do presidente dessa igreja, Pr. Ouriel de Jesus”. A “comunicação sobrenatural” durou cinco meses (de outubro de 2001 a fevereiro de 2002).

O grupo de oração é formado de sete pastores, três evangelistas e quatro missionárias, todos brasileiros. Pelo menos três deles (os pastores Christian Oliveira, Clewson Oliveira e Jussara de Jesus, esposa de Ouriel) fazem parte do alto escalão da World Revival Church.

Segundo Ouriel, ele e seus companheiros de oração muitas vezes estivéramos Paraíso, na Nova Jerusalém, diante do Trono, na Sala dos Projetos de Avivamento, na Sala dos Conselhos, na Sala das Alianças, na Sala dos Tempos, na Sala das Profundezas de Deus e na Sala das Escrituras (p. 21).

A eles foi dado a conhecer três segredos até então ocultos: as palavras que Deus mandou Daniel selar e lacrar até o tempo do fim (Dn 12.14), as coisas indizíveis que Paulo ouviu no terceiro céu (2 Co 12.4) e o conteúdo do livrinho que o anjo mandou João comer (Ap 10.9).

Ouriel confessa que foi uma tarefa dificílima traduzir para a linguagem humana o que estava escrito na linguagem celestial. As frases tinham de ser lidas da direita para a esquerda e as letras eram parecidas com as letras hebraicas. Quando o assunto lido e traduzido era a respeito de Deus Pai, as letras eram azuis. Mudavam do azul para o vermelho quando diziam respeito a Jesus. E do vermelho para o amarelo-ouro quando se referiam ao Espírito Santo. Uma luz saía do meio do livro e controlava o trabalho da tradução: se brilhasse menos intensamente era porque a tradução estava a contento. Caso contrário, era porque precisava melhorar.

Depois de tudo pronto, uma comissão constituída do próprio Ouriel, de outros quatro pastores, de um leigo e de uma missionária — a “Comissão dos Sete” — fez a revisão do livro e redigiu o prefácio. Os signatários do texto fazem referência à “incomum humildade” de Ouriel, “cujas marcas de intimidade com Deus são inefáveis e incontestáveis”, e dão o seu aval às revelações contidas no livro “O Triunfo Eterno da Igreja”:

Estamos absolutamente convictos de que o mundo reconhecerá a autenticidade deste livro bem como do avivamento a que se refere.

E, para terminar, registram uma palavra de apoio ao ministério de Ouriel, a quem chamam de “Apóstolo do Avivamento”:

Declaramos nossa fidelidade, solidariedade, apoio e compromisso com este avivamento, do qual o Deus trino nos fez participantes e do qual desejamos desfrutar até o dia gloriosíssimo do arrebatamento da Igreja.

Entre os signatários está o conhecido pastor Geziel Gomes, co-pastor da World Revival Church.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.