Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Seções — Livros

Ouvindo Deus
280 páginas
Editora Ultimato e Textus
Tel.: 31 3891-3149

Autor: Dallas Willard, professor de filosofia na Universidade Southern California e autor de A Conspiração Divina (Ed. Mundo Cristão).

Assunto: O relacionamento entre Deus e o homem, e as maneiras que Deus usa para falar conosco.

Por que ler: Para aprender a ouvir claramente a voz de Deus e, assim, desfrutar de uma relação de companheirismo e intimidade com Ele.

Trecho: Depois de colecionar alguns fracassos e de aprender que uma oportunidade raramente surge duas vezes e que as conseqüências dos nossos atos são implacáveis, clamamos, cheios de ansiedade: “Faça-se a tua vontade, assim na terra como no céu!” Nossa oração passa a expressar a necessidade de que seja Deus uma presença constante a orientar nossa vida pessoal. Deus nos criou para desfrutarmos de amizade íntima com Ele. Essa é a compreensão dos cristãos, apresentada com clareza por toda a Bíblia.



O Livro de Paulo
496 páginas
Mundo Cristão
Tel.: 11 5668-1700

Autor: Walter Wangerin, escritor luterano e autor de O Livro de Deus (Mundo Cristão, 1998), a Bíblia romanceada com 20 mil cópias vendidas no Brasil.

Assunto: A história do apóstolo Paulo em forma de romance, em que o autor cria um pano de fundo histórico por meio de cartas (fictícias) de Sêneca, abordando a situação do alto poder no Império Romano.

Por que ler: Para conhecer com riqueza de detalhes a cultura, o tempo dos acontecimentos da vida de Paulo. Porque é “um casamento feliz entre pesquisa meticulosa e imaginação histórica”.

Trecho: O jovem ciliciano, que debatera com Estêvão com o sagaz conhecimento da Escritura digno de um escriba, também presenciou a execução. Ficou sentado à parte, a sua grande cabeça aprumada, imóvel. Se participou, foi como membro do conselho cujo relatório do apedrejamento selaria a questão. Essa, pelo menos foi a minha conclusão. Na época eu não sabia seu nome. Hoje é claro que sei. Talvez agora o mundo inteiro já o conheça pelo nome.



Vox Scripturae – revista teológica brasileira
124 páginas
União Cristã
Tel.: 47 635-0911

Autor: Estevan Kirschner (ed.), professor de exegese bíblica na Faculdade Luterana de Teologia/MEUC e no Seminário Servo de Cristo.

Assunto: Artigos teológicos relevantes que remetem à reflexão dos líderes cristãos e testemunham a voz das Escrituras em seu contexto atual.

Por que ler: Para possibilitar uma reflexão e uma articulação teológica mais consistente e consciente da necessidade da exegese bíblica entre nossos líderes e formadores de opinião.

Trecho: Semelhante ao pensamento moderno, a pós-modernidade também tem sua mística e sua cosmologia. Há uma esperança messiânica e escatológica de que o ser humano não morrerá tão cedo assim, porque a informação do DNA é tida como imortal e poderia ser perpetuada pela clonagem humana. Quer-se perpetuar, por meio da clonagem, o tipo genético de uma pessoa querida que faleceu muito cedo. A busca da imortalidade, a exemplo de todos os povos em todas as épocas e culturas, é uma força motriz fundamental.



Encontrando Deus nos Lugares mais Inesperados
260 páginas
United Press
Tel.: 19 3278-3144

Autor: Philipp Yancey, teólogo e jornalista, editor de Christianity Today, a principal revista evangélica dos Estados Unidos, e autor de vários títulos traduzidos no Brasil.

Assunto: A presença de Deus nos lugares mais inusitados: em uma favela, em uma academia de ginástica, nas prisões do Peru e do Chile, nas obras de Shakesperare, em um leprosário etc.

Por que ler: Para percebermos a presença de Deus — “seus indícios de transcendência”— no cotidiano e no inesperado, bem como para que não portemos com indiferença quando a sarça ao nosso lado está ardendo.

Trecho: O “castelo” no qual os cristãos se refugiam é a igreja. É triste, porque Deus não se limita às quatro paredes de um santuário. O próprio Jesus não encontrou Deus entre os devotos de uma sinagoga, mas em uma viúva cujos bens se reduziam a duas moedinhas e em um cobrador de impostos que não conhecia nenhuma oração formal; Ele buscou suas lições espirituais até mesmo observando uma estrangeira com cinco casamentos fracassados. Jesus era mestre em encontrar Deus em lugares inesperados.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.