Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias — Notícias bíblicas


Abraão morre aos 175 anos e é sepultado na caverna de Macpela
Celebraram-se ontem na caverna de Macpela as exéquias de Abraão, com a presença de seus filhos Ismael, por parte de Hagar, e Isaque, por parte de Sara. Estiveram presentes também os filhos de sua segunda mulher, Quetura, e de suas concubinas. Abraão morreu aos 175 anos, 38 anos depois da morte de sua primeira mulher, 75 anos depois do nascimento de Isaque e 100 anos depois de ter saído, pela fé, de Harã. O patriarca é lembrado por sua extraordinária fé e por sua experiência de rejuvenescimento, juntamente com a esposa Sara, ao lado da qual foi sepultado. Antes dessa experiência, Abraão era um homem sem vitalidade e Sara, além de estéril a vida inteira, era uma mulher velha demais. De repente o casal como que voltou no tempo e Sara engravidou. Ela tornou a ter uma aparência tão bonita, que correu o risco de ser violentada pelo rei Abimeleque. Viveu mais 37 anos. Abraão, por sua vez, depois de viúvo, casou-se novamente e gerou seis filhos de Quetura. Os gêmeos Esaú e Jacó, de 15 anos, netos de Abraão, também estiveram presentes ao sepultamento do avô. 


O Evangelho segundo Mateus causa surpresas
Acaba de sair a primeira edição do Evangelho segundo Mateus, aquele publicano que deixou tudo para seguir a Jesus. O que está causando espécie é a omissão que o autor faz de certos acontecimentos relacionados com o nascimento de Jesus, como a visita do anjo Gabriel a Maria, o encontro de Maria com Isabel, o nascimento de João Batista, a visita dos pastores de Belém ao recém-nascido Jesus, a circuncisão e a apresentação de Jesus no templo. Não se refere aos cânticos de Maria, de Zacarias nem de Simeão, peças bonitas demais para serem esquecidas. Em compensação, o ex-coletor explica o drama de José, a visita dos magos e a fuga para o Egito, que o historiador Lucas omite. Muitos estão surpresos com a menção dos nomes de Tamar, Raabe, Rute e Bate-Seba na árvore genealógica de Jesus e perguntam qual seria a intenção do escritor ao entrar nesses detalhes.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.