Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Opinião

Você acredita?

Será lançado no próximo dia 03 de setembro o filme “Você acredita?”, uma produção dos mesmos diretores de outro filme “Deus Não Está Morto”. O que os dois têm em comum? Contam com atores de Hollywood, mas são claramente evangelísticos.

“Você acredita?” conta a história de doze pessoas que descobrirão o poder restaurador da cruz de Cristo, mesmo alguns não acreditando nele. Com elenco de produções hollywoodianas, como Sean Astin, conhecido pelo personagem Sam Gamgee, de “O Senhor dos Anéis”, a narrativa entrelaça as histórias de seus personagens de maneira inesperada, lembrando produções como “Crash – No Limite” e “Babel”.

Conversamos com Ygor Siqueira, da 360WayUp, responsável pela distribuição de “Você acredita?” no Brasil. Ele fala sobre as expectativas para o lançamento do filme e como a película pode tocar os brasileiros.

***

Portal Ultimato - “Você acredita?” é dos mesmos diretores de “Deus não está morto”. Quais as semelhanças e diferenças entre os dois filmes?

Ambos foram produzidos nos Estados Unidos, pelos mesmos produtores com uma mensagem evangelística e de transformação de vida. No filme "Deus Não Está Morto" o foco era mostrar a existência de Deus. Já o filme "Você Acredita?" aborda a fé cristã e o impacto da mensagem da cruz de Cristo na vida das pessoas, além de contar com a participação especial do cantor Leonardo Gonçalves, cantando a música tema do filme “Acredito”.

Portal Ultimato - Este é um filme norte-americano. Como tem sido o interesse lá? E qual a expectativa de interesse do público brasileiro para “Você acredita?”?

Realmente o filme "Você Acredita?" teve uma excelente aceitação nos Estados Unidos. Um exemplo disso é que ele permaneceu por várias semanas nos cinemas. Além disso, já está disponível em DVD nas principais lojas do segmento “gospel” e varejo em geral lá.

E a expectativa é que no Brasil o filme conquiste até mais público que o “Deus Não Está Morto”, um sucesso nos cinemas do Brasil. Durante as sessões de pré-estreias que estamos realizando pelo país percebemos que o filme tem conquistado o público convidado, como líderes, artistas e mídias locais. Além de todo o envolvimento na mídia social que já ultrapassou 85k fãs e + 1.000.000 de curtidas e compartilhamentos.

Portal Ultimato - O filme tem uma clara intenção evangelística. Como conciliar isso com o objetivo que o cinema também tem de entreter as pessoas? A mensagem cristã não perde profundidade?

A proposta do filme é evangelizar e promover a reflexão nas pessoas a respeito de sua própria fé. Ao meu ver, o cinema é uma grande oportunidade de utilizar o audiovisual para impactar o público com uma mensagem que edifique sua vida. O cinema também pode proporcionar à pessoa a possibilidade de se identificar com o personagem e gerar uma aproximação de realidades, como no caso do filme "Você Acredita?" que fala sobre a mensagem da cruz.

Entretanto, tudo depende do roteiro, produção e mensagem que se quer transmitir. Há algum tempo tivemos nas telonas alguns filmes que não se preocupavam com a mensagem, mas com efeitos e produção. O filme "Você Acredita?" tem em primeiro lugar a preocupação com a mensagem, e esse é o seu diferencial das outras produções.

Portal Ultimato - Por ter sido produzido nos Estados Unidos, “Você Acredita?” não corre o risco de um falta de contextualização no Brasil? Quais os elementos universais da história?

Os temas abordados nessa produção, como gravidez na adolescência, intolerância religiosa, suicídio, falta de fé, influência negativa de algumas amizades, são pontos que fazem parte da realidade do dia a dia de muitas pessoas. No entanto, o que pode variar é a intensidade de influência em cada país, pois no geral esses são problemas da sociedade global.

Portal Ultimato - O que o telespectador vai encontrar na história de “Você acredita?”?

A certeza é que o espectador vai encontrar a mensagem de Cristo do início ao fim do filme. Entretanto, vale destacar que independente da situação que a pessoa esteja vivendo, se ela se entregar, crendo e demonstrando sua fé em atitudes. As pessoas vão se emocionar, rir, e - o mais importante - serão impactadas pela mensagem de Cristo.

Portal Ultimato - Qual será o alcance de exibição do filme? Em quantas salas de cinema de quantas cidades ele será exibido?

O filme "Você Acredita?" será o maior lançamento do segmento, até o momento, atingindo aproximadamente 150 salas nos principais cinemas do Brasil. Além disso, é possível acompanhar a programação das salas no site do filme (http://euacreditonacruz.com.br/VoceAcredita/#mapa).

***

Divulgue o filme

Use a hashtag #EuAcreditonaCruz e compartilhe a informação com seus amigos nas redes sociais. Para saber mais sobre a produção, acesse o site Eu Acredito na Cruz.


Quer ganhar ingressos?
A Ultimato oferece 250 ingressos para jovens de até 29 anos: fazendo a Assinatura Jovem da revista Ultimato, você ganha dois ingressos para a estreia. Não perca! Acesse esse link e participe.



Assista ao trailer



Imagens: Divulgação

Leia também

Lembre-se sempre de Jesus 
Cinema e fé cristã 
A arte não precisa de justificativa 
Equipe Editorial Web
  • Textos publicados: 1008 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Opinião

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.