Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Sul-coreanos agradecem "volta à vida"

(Portas Abertas) Os 19 reféns sul-coreanos seqüestrados por talibãs afegãos afirmaram neste domingo, ao regressarem a Seul, que se sentiam de "volta à vida", depois de um cativeiro de seis semanas. Mantiveram encontros emocionados com familiares num hospital situado na periferia da capital, onde começaram a ser submetidos a exames médicos. 

"Nos desculpamos a todos pelos problemas que causamos e agradecemos os que nos ajudaram a regressar à casa", declarou à imprensa Yoo Kyung-sik, uma das mulheres mantidas em cativeiro em nome do grupo. 

"Temos uma grande dívida para com o país e as pessoas", disse ela. "Basicamente estivemos mortos e recebemos de volta nossas vidas. Esperamos viver de maneira a deixá-los orgulhosos". 

Um pastor da igreja Presbiteriana Saemmul em Bundang, que organizou a missão no Afeganistão, declarou que alguns dos reféns chegaram a ser "agredidos severamente" por não abraçarem o islã. Leia mais em Agência Portas Abertas

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.