Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Prateleira

Sobre homens e livros

Monteiro Lobato dizia que um país se faz com homens e livros. Ultimato acredita que Deus pode usar os livros como instrumentos para mudar pessoas. Porque, afinal, são as pessoas que mudam o mundo, como diria Mário Quintana. Faz parte da obra da reconciliação de Deus transformar e redimir toda a realidade.

Ultimato é mais conhecida por sua revista que completará 48 anos em janeiro. Mas a publicação de livros também faz parte da sua vocação. Com um catálogo de mais de 200 títulos, somos vanguardistas na valorização do autor nacional e nos tornamos a “casa” de John Stott no Brasil. Em parceria com a ABU Editora, temos o maior número de livros do autor no país.

Mas falar sobre livros da Ultimato é falar sobre nosso editor, Marcos Bontempo. Ele, que formou-se em Agronomia (e fez até Mestrado na área!), enveredou mesmo foi pelo caminho das letras, sua grande paixão desde adolescente. Há quase 23 anos, Marcos toma decisões editoriais que afetam nossos leitores mais exigentes.

A compra do dicionário Aurélio quando ainda calouro, em 1980, a leitura de muitos e variados livros, o acompanhamento semanal do Caderno “Folhetim” da Folha de S. Paulo e o cargo de secretário de literatura do grupo local da Aliança Bíblica Universitária quando estudante universitário, contribuíram para que seu sonho em ser editor se concretizasse.

Marcos Bontempo tem 54 anos e será um dos homenageados nesta noite de quinta-feira, dia 10, pela Câmara Brasileira de Livros, no Espaço Villa Lobos, em São Paulo (SP). Ele será reconhecido como um “amigo do livro”, um brasileiro que tem ajudado a melhor o mercado editorial no Brasil nos últimos 20 anos.

Por ocasião da celebração, publicamos a seguir uma pequena entrevista com nosso diretor editorial, Marcos Bontempo. Confira.

***
“Livro não tem data de validade”

Portal Ultimato - Você trabalha há mais de 20 anos com publicação de livros, mas formou-se em agronomia. Por que resolveu trabalhar com livros e não com solos, cultivo e plantas?

Marcos Bontempo - A história é longa. Mas, quem sabe, pela mesma razão – apenas com o sinal trocado – que muitos dos que trabalham no campo não fizeram agronomia. Talvez, pela mesma razão que os cineastas José Padilha, diretor de “Tropa de Elite”, que fez Administração de Empresas; e, Fernando Meireles, diretor de Cidade de Deus, que fez Arquitetura e Urbanismo, se dedicaram ao cinema. Bem, para ser um pouco mais específico, porque acredito que Deus chama “pessoas” e não necessariamente advogados, professores, arquitetos, agrônomos, pastores, médicos, etc.

Portal Ultimato - O que é mais difícil para um editor? E o que é mais fácil?

Marcos Bontempo - O mais fácil é colocar defeito no que os autores fazem. O mais difícil é fazer o que eles fazem. Também diria que, para um editor, é muito difícil publicar um livro que ele não gosta ou não concorda, por razões comerciais. Felizmente, na Ultimato, temos vencido essa tentação.

Portal Ultimato - Como a Ultimato – mesmo pequena - conseguiu continuar no mercado editorial cristão, sem abrir mão de seus valores?

Marcos Bontempo - Não sei. Apenas desconfio. Poderia dizer que é um milagre, mas acho que não vou convencer. Então, diria que parte da resposta está com os nossos leitores: engajados, exigentes e não levados pelas idas e vindas desse mesmo mercado e que, assim como Ultimato, não acreditam que o livro tem data de validade.

Portal Ultimato - A Ultimato tem um catálogo de mais de 200 títulos. Para você, pessoalmente, qual livro deu mais gosto de publicar?

Marcos Bontempo - Não dá para escolher um. Impossível. Por exemplo, me lembro de vários autores nacionais e latino-americanos, quando quase ninguém os publicava. Do primeiro (Cristianismo Básico) e do último (O Discípulo Radical) livros escritos por John Stott. Outro livro que marcou a editora foi Deus em Questão, publicado em 2005. Mais recentemente, C. S. Lewis, N. T. Wright e é melhor parar senão chego aos duzentos...

Portal Ultimato - Qual a vocação editorial da Ultimato?

Marcos Bontempo - A mesma da revista. Trabalhamos para criar uma mentalidade bíblica, para ajudar o leitor a responder às perguntas dos nossos dias e atuar nos diferentes campos da cultura. Reafirmamos nossa identidade evangélica e reformada, ao mesmo tempo em que acreditamos que “o Reino de Deus é maior que a Igreja Católica Romana, que as Igrejas Ortodoxas e que a Igreja Protestante”.

Foto: Marcos Bontempo recebe a homenagem de "amigo do livro" da CBL, em São Paulo (SP).



Leia também
25 Livros Que Todo Cristão Deveria Ler 

Equipe Editorial Web
  • Textos publicados: 987 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Prateleira

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.