Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

Igreja Presbiteriana Unida condena “espetacularização” da Lava Jato

A Igreja Presbiteriana Unida (IPU) publicou no dia 08 de março uma nota pública em sua página no Facebook com o título “Sobre o Momento Político do Brasil e as Ações da Operação Lava Jato” em que pede o aprofundamento das investigações da Operação Laja Lato, mas condena o que chamou de “espetacularização” da força-tarefa do Ministério Público Federal que investiga a corrupção envolvendo políticos e grandes empreiteiras.
Segundo a IPU, “essa espetacularização de atividades meramente investigativas tem criado um caldo de cultura pernicioso, permeado pelo ódio ao que pensa diferente e que, caso não haja cautela da parte daqueles que conduzem tais investigações e da elite política deste país, poderá se degenerar e transformar nossas ruas em palcos de banhos de sangue”.

A igreja também “condena o vazamento seletivo de trechos de depoimentos, sejam de acusados, investigados ou delatores, sempre dirigidos, previamente, a alguns órgãos de comunicação que entregam um produto de conteúdo nem sempre imparcial e justo”. Citando Mateus 5.20, a IPU aconselhou seus membros a “fugirem da justiça dos hipócritas escribas e fariseus dos dias atuais”.

Repercussão

A publicação da nota na página da IPU no Facebook já recebeu mais de 40 comentários e 180 compartilhamentos. Há comentários tanto positivos quanto negativos. Alguns chamam a igreja de “corajosa” por emitir sua opinião; outros dizem que a o pronunciamento é “lamentável, inoportuno e inadequado”.

A nota pública foi republicada em alguns blogs como o Diário do Centro do Mundo e Portal Vermelho [neste, publicaram erroneamente o logotipo de outra denominação, a Igreja Presbiteriana do Brasil]. No siteGospel Prime, o colunista Jarbas Aragão critica a posição da IPU, afirmando: “a Igreja condena os delatores, mas ignora que a maioria dos políticos presos são do PT ou de partidos aliados. Convenientemente, em nenhum momento cita Dilma ou Lula”.

Leia a nota da IPU na íntegra

Leia também
Precisamos de justiça e serenidade [Aliança Evangélica]
Equipe Editorial Web
  • Textos publicados: 1008 [ver]

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.