Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Notícias

22º Mutirão Mundial de Oração: aprendendo a orar pelas crianças e com elas

Por Elsie Gilbert

Rejane e Alexandre Oliveira de Carapicuíba (SP) se preparam para levar 800 crianças a interceder umas pelas outras e por outras crianças espalhadas pelo mundo. Os preparativos envolvem uma intensa agenda de programação que inclui alimentação, recreação e muitos momentos de louvor e oração. Enquanto isso, o pastor João Bosco Caldeira, em Santarém (PA), quer mobilizar todas as Assembleias de Deus no seu raio de influência para se juntarem ao Mutirão de Oração pelas Crianças Socialmente Vulneráveis. Ao mesmo tempo, a Júnia Lemos, da BEM, Bem Estar do Menor, localizada em Sabinópolis (MG) se organiza para ajudar as crianças a trocar pedidos de oração com outro projeto em outro canto do país. E ainda, o pessoal de Renas-Rio, sob a liderança da pastora Jovani Nascimento, pretende mobilizar pelo menos 100 igrejas a lembrarem das crianças e adolescentes que mais sofrem ao redor do mundo, inclusive, aquelas que estão bem perto de nós.

É o entusiasmo de pessoas dedicadas à causa das crianças e dos adolescentes em situações difíceis que empulsiona a vigésima segunda edição do Mutirão Mundial de Oração pelas Crianças Socialmente Vulneráveis. O mutirão acontecerá no primeiro fim de semana de junho, dias 2, 3 e 4. Ele conta com a participação de todas as organizações parceiras da Rede Mãos Dadas além de algumas redes associadas como Renas e a Aliança Evangélica.

A Rede Mãos Dadas, responsável pela realização do mutirão no Brasil, desafia cristãos brasileiros de todas as idades a aprofundar suas experiências de oração. Os discípulos de Jesus já oravam e tinham até uma prática extensa de oração quando pediram ao Mestre: “Ensina-nos a orar”. Não se tratava de ensinar, por exemplo, uma criança a andar de bicicleta, mas talvez o que eles queriam era ir além, como um atleta que se prepara para uma competição no ciclismo deseja aprender de um campeão!

E Jesus os atendeu!

São muitas as demandas que afligem os que batalham no Reino em favor das crianças. São muitas as mazelas da sociedade que podem oprimir e até fazer calar o riso natural e o brilho nos olhos de uma criança. Será que existe um jeito melhor de orar por elas? Aqui estão algumas dicas:

• Ore por elas, mas ore também com elas. A oração do justo pode muito em seus efeitos, lembra Cleisse Andrade em seu artigo “Algumas Histórias de Oração”. As crianças podem estar incluídas na categoria de “justo”?

• Inclua louvor e adoração em suas orações porque fazendo isto você estará mais apto a se alinhar com Deus em todos os seus propósitos, que com certeza incluem as crianças ao seu redor e as crianças do mundo. O missionário James B. Gilbert preparou um estudo bíblico sobre este tema, disponível aqui.

• Use o Pai Nosso não só para ensinar as crianças a ampliar suas experiências na oração, mas também como um recurso específico de intercessão. Quando intercedemos por alguém, pedimos apenas aquilo que esperamos receber de acordo com o que cremos ser possível. Hoje, nossa expectativa em relação ao que Deus pode fazer está muito baixa! Aprenda com o Pai Nosso a elevar suas expectativas ao nível das de Jesus. Realize uma Dinâmica de Oração para Crianças contida no Guia do Mutirão Mundial de Oração, disponível aqui.

Enfim, descubra o verdadeiro sentido da oração ensinada por Jesus: a preocupação com a situação precária das crianças no mundo hoje nasceu no coração de Deus primeiro. Você se preocupa com elas? Deus já se preocupa com elas muito antes e muito mais! O poder da oração está justamente no fato de que ao orarmos nós nos alinhamos com a vontade divina que é boa e perfeita, não admite violência, abandono, negligência ou crueldade. Estamos do lado certo da batalha. Mas se não mantivermos alinhamento com Deus, nos comportaremos de forma desordenada, desfocada e ineficaz.

“Senhor, ensina-nos a orar não só com a mente, mas também com a nossa vontade e com o nosso coração!”

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Leia mais em Notícias

Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.