Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

Escravos de Cristo

"Vocês foram comprados por alto preço; não se tornem escravos de homens". (1 Corintios 7:23)

A Bíblia diz que nós fomos comprados, por isso não somos donos de nós mesmos. Nós temos muito valor, já que por um alto preço fomos adquiridos, porém, isso não muda a nossa condição: ainda somos escravos! Nós temos um dono, e Ele nos possui. No que se constitui a escravidão? Primeiramente em ser possuído por alguém. Jesus refere-se a nós como seus SERVOS (δουλος doulos, grego) que literalmente quer dizer ESCRAVOS. Eu gostaria de convidar você a ser um escravo de Jesus Cristo. Ser escravo é abrir mão da sua independência, da sua liberdade, das suas vontades... submeter-se a uma vontade alheia. Abandone todos os seus direitos e seja controlado pelo Senhor. Isso é Evangelho! Não é uma questão de escolha. É um serviço que ele tem que fazer gostando ou não. Submissão total a vontade do seu dono. Estar em total e completa dependência daquele dono. É o que significa ser SERVO=ESCRAVO.

Se isso é difícil de nós engolirmos, imagine para o povo na época de Jesus. Havia por volta de doze milhões de judeus escravos no império romano. Eles sabiam exatamente o que isso significava. Não tinham liberdade, direitos, cidadania, posses, propriedades, nada! Não eram consultados pra nada: "O que você pensa sobre isso?" ou "O que você gostaria?" Bizarro, não?! Eles eram totalmente dependentes daqueles que o possuíssem. Não significa que eles não possuíssem alguns benefícios. Eles tinham providencias, cuidados, eram protegidos. Em alguns casos eram tratados amavelmente como se fossem da família. O Evangelho é um chamamento para sermos ESCRAVOS DE CRISTO! (Lc 9:23)

Na nossa cultura, há muita diferença entre servo (διακονος, diácono/trabalhador) e escravo. Um servo é contratado para trabalhar por um salário, por um tempo determinado, pode renunciar o trabalho, etc. escravos se fugissem eram encontrados e castigados duramente, alguns até crucificados. Quem é escravo de Cristo procura agradar apenas o seu Senhor (Gl 1:10). Você não faz o que agrada as outras pessoas. Esse é o nosso relacionamento com Jesus: agradar somente a Ele. Quando o obedecemos, o agradamos. Vejam o que diz Tiago 4:13-15, isso é uma linguagem de escravo, de quem está sujeito a vontade alheia, do seu dono, do seu Senhor.

1) Possessão exclusiva: fomos comprados por Ele, e Ele exige exclusividade. (1Pe. 2:9) Ninguém pode servir a dois senhores (Mt 6:24). Você pode até ter dois patrões, mas dois senhores, impossível!
2) Sujeição total a vontade dEle. (Lc.22:42)
3) Utilidade e obediência completa e constante. (Rm 6:16)
4) Dependência completa do Senhor para tudo. (Fp 4:19)
5) Toda disciplina e recompensa vem do mesmo Senhor. (Hb 12:6)

Duas palavras que descrevem os dois lados da nossa relação com Jesus Cristo: Kyrios (Κύριος) e Doulos (δουλος). Se você não acata essa idéia, então você não é um verdadeiro cristão. Contudo, vejamos o lado bom de termos Jesus como o Senhor de nossas vidas: Ele é benevolente, gracioso, generoso, amável, bondoso, compassivo... Poderíamos pensar em uma vida melhor do que essa? Em um Senhor melhor do que este? O fardo dEle é leve e o seu jugo é suave (Mt 11:30). Alem de tudo, o nosso Kyrios nos fez seus filhos e nos deu o direito de filhos e herdeiros. Nos adotou em sua família! Nos levará ao Céu e nos fará reinar e nos dará todas as suas luxuosas riquezas. Somos possessão dEle para sempre e sempre, para nossa alegria absoluta e para sua glória. Quem não queria ser um escravo desse Senhor?

Jefferson Martins
Pastor da Igreja Evangélica de Peruíbe
Peruíbe - SP
Textos publicados: 28 [ver]
Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.