Apoie com um cafezinho
Olá visitante!
Cadastre-se

Esqueci minha senha

  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.
Seja bem-vindo Visitante!
  • sacola de compras

    sacola de compras

    Sua sacola de compras está vazia.

Palavra do leitor

As misericórdias do Senhor não têm fim

"Eu quero lembrar aquilo que pode me dar esperança na vida". (Lamentações 3.21).

Hoje, ao me levantar, lembrei desse versículo do profeta Jeremias no seu livro de lamentações. A vida hoje está carente de esperanças e de certezas. Olhando ao redor, parece que só vemos motivos para desespero. No corre-corre do dia a dia todos correm aparentemente em vão. Olhando nos olhos não vemos sinal de esperança, parece um correr em vão e sem destino.

De manhã meditei e senti que não sou diferente dos demais nessa corrida desenfreada. O profeta lamentou essa realidade, olhou em volta e sentiu a falta de algo, a falta de algo que pudesse lhe dar, ou trazer, esperança. Lamentou o seu infortúnio, as lágrimas correram por sua face. É preciso ter esperança para se ter confiança e poder alcançar algo que tanto se deseja. Sem esperança não se alcança, apenas se deseja algo aparentemente impossível.

O grande amor nunca termina. A única razão por não sermos completamente destruídos é a misericórdia do Senhor. Ela se renova a cada manhã; grande é a sua fidelidade. (Lamentações 3.21). Em meio a essa nuvem de pensamentos, buscas e incertezas descobrimos que o amor de Deus nunca termina porque Deus é essencialmente amor. Ele é o próprio amor, totalmente amor, pleno de amor e de caridade. Esta certeza nós temos e devemos sempre ter para nela alicerçarmos a nossa vida, as nossas convicções. Fora disto não pode haver esperança. A partir daí começamos a nos sentir renovados e fortalecidos por aquele que é amor.

A única razão por não sermos totalmente destruídos é a misericórdia do Senhor. Ela se renova a cada manhã. É uma renovação constante, diária a nosso favor, para o nosso bem. As misericórdias do Senhor não têm fim, elas são eternas. Deus é misericordioso para conosco porque Ele nos conhece e sabe que somos fracos. As suas misericórdias se renovam a casa manhã; grande é a sua fidelidade. Jeremias nos confronta, nos coloca diante do Senhor que é fiel, mas também exige a nossa fidelidade.

Não adianta crermos se continuarmos na nossa vidinha toda atrapalhada, sem termos experiência com Deus. O filho se aproxima do pai para aprender e também para obedecer, depende dos ensinos do Pai, da sua presença e do seu carinho. O filho precisa do Pai, sente a sua falta e muitas vezes clama por ele. É uma necessidade básica, natural, pois sempre nos ocorrem dúvidas e problemas.

Há uma atenção e uma preocupação de ambos os lados. Deus se preocupa conosco como se fôssemos uma plantinha que precisa diariamente ser regada. A experiência do profeta é também a nossa, é uma constante em nossa vida. Eu quero lembrar aquilo que pode me dar esperança na vida. A vida precisa de esperança, sem esperança não se alcança o desejo, o objetivo.

O nosso Deus é o Deus da esperança, é o nosso Pai que tudo pode fazer a nosso favor. É preciso esperar nele e ter ter experiência com ele, conhece-lo e experimentar a sua presença, o seu carinho a cada manhã. Como o profeta Jeremias, que possamos procurar viver próximos do Senhor. Se a lágrima vier, deixe-a cair, Deus é quem enxuga de nossos olhos toda a lágrima, pois o seu amor e as suas misericórdias não têm fim.
Mogi Guaçu - SP
Textos publicados: 404 [ver]

Os artigos e comentários publicados na seção Palavra do Leitor são de única e exclusiva responsabilidade
dos seus autores e não representam a opinião da Editora ULTIMATO.

QUE BOM QUE VOCÊ CHEGOU ATÉ AQUI.

Ultimato quer falar com você.

A cada dia, mais de dez mil usuários navegam pelo Portal Ultimato. Leem e compartilham gratuitamente dezenas de blogs e hotsites, além do acervo digital da revista Ultimato, centenas de estudos bíblicos, devocionais diárias de autores como John Stott, Eugene Peterson, C. S. Lewis, entre outros, além de artigos, notícias e serviços que são atualizados diariamente nas diferentes plataformas e redes sociais.

PARA CONTINUAR, precisamos do seu apoio. Compartilhe conosco um cafezinho.


Opinião do leitor

Para comentar é necessário estar logado no site. Clique aqui para fazer o login ou o seu cadastro.
Ainda não há comentários sobre este texto. Seja o primeiro a comentar!
Escreva um artigo em resposta

Ainda não há artigos publicados na seção "Palavra do leitor" em resposta a este texto.